Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Operação apreende 122 facas no Centro depois da morte de Cadu Barcellos

Foram recolhidas 156 armas brancas na região da Lapa dois dias após assassinato do cineasta, esfaqueado na Avenida Presidente Vargas

Por Da Redação 13 nov 2020, 18h10

Dois dias depois da morte do cineasta Cadu Barcellos – ele foi esfaqueado na madrugada desta terça (10), na esquina da Av. Presidente Vargas com a Rua Uruguaiana – policiais militares e agentes do Centro Presente recolheram 89 facas, 33 facões, 20 tesouras, 11 estiletes, 2 canivetes e uma serra na região da Lapa, em diversos endereços, no Centro.

Luto: cineasta Cadu Barcellos é morto a facadas no Centro da cidade

Segundo os agentes, o material apreendido era usado como arma por bandidos em roubos a pedestres. A polícia ainda investiga o que motivou a morte de Cadu, e a hipótese mais forte é a de que ele tenha sido vítima de assalto. O Disque Denúncia divulgou um cartaz pedindo informações de suspeitos do crime, e a denúncia pode ser feita de maneira anônima, pelo número 2253-1177 ou pelo Whatsapp do Portal dos Procurados (21) 98849-6099.

+ Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

Continua após a publicidade
Publicidade