Clique e assine por apenas 4,90/mês

Nuzman deixa prisão em Benfica, na Zona Norte

Ex-presidente do COB estava preso desde o dia 5 na cadeia pública

Por Redação VEJA RIO - 20 out 2017, 16h45

Preso desde o último dia 5, o ex-presidente do Comitê Olímpico Brasileiro (COB) Carlos Arthur Nuzman deixou a cadeia pública José Frederico Marques, em Benfica, Zona Norte, pouco antes das 16h30 desta sexta (20).

Na quinta (19), ele teve a liberdade concedida em decisão da Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ).  No entanto, algumas medidas de precaução foram estabelecidas: entrega do passaporteroibição de deixar o Brasil e o Rio de Janeiro (este apenas com autorização judicial), proibição de contato com outros investigados, proibição de acessar sedes ou filiais ou exercer qualquer atividade no Comitê Rio 2016 e no COB, além de comparecimento mensal à Justiça para justificar as atividades.

O executivo preso pela Polícia Federal por suspeita de intermediar o pagamento de propinas para que o Rio sediasse os Jogos Olímpicos de 2016. Uma semana depois de ser encarcerado, ele renunciou ao comando do COB.

Publicidade