Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Montanha-russa é interditada por bombeiros após família ficar presa

O brinquedo, localizado no Tivoli Park, na Barra da Tijuca, passará por vistoria técnica nesta terça (20). Episódio ocorreu no domingo (18)

Por Redação Atualizado em 20 jul 2021, 13h50 - Publicado em 20 jul 2021, 13h32

O corpo de bombeiros interditou a montanha-russa do Tivoli Park, na Barra da Tijuca, após um episódio de tensão ocorrido no último domingo (18). Durante uma volta na atração, uma família ficou presa devido a um problema apresentado no carrinho do brinquedo. A instalação será avaliada nesta terça (20) por meio de uma vistoria técnica.

+ A boemia revive: La Fiorentina, no Leme, será reaberto em 10 de agosto

A corporação afirmou, em nota, que solicitou um novo documento atestando o bom funcionamento da atração e que “as condições dos brinquedos e das instalações elétricas são avaliadas por um engenheiro contratado pelos administradores do parque e comprovadas por meio de Anotação de Responsabilidade Técnica (ART)”.

Segundo testemunhas, as duas mulheres e duas crianças aguardaram o resgate por cerca de uma hora durante o episódio. Para saírem do local, a 15 metros de altura, foi necessário descer a pé pelos trilhos.

+ Economia do Rio pode voltar ao nível pré-pandemia em setembro

Veja o vídeo:

+Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Em nota, o parque informou que cumpre todos as normas de segurança e manutenção. De acordo com a empresa, o desembarque dos passageiros ocorreu em menos de 15 minutos, por meio de uma escada auxiliar fixa padrão utilizada nesses casos. “A família foi retirada em segurança. Trabalhamos para que nossos visitantes tenham a melhor experiência sempre”, disse.

 

 

Continua após a publicidade

Publicidade