Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Ganso testa positivo para covid-19 e Fluminense chega a 10 contaminados

Tricolor vive surto dias antes do clássico contra o Botafogo

Por Agência Brasil 30 set 2020, 14h56

O meia Paulo Henrique Ganso está contaminado com o novo coronavírus . O jogador testou positivo nos exames realizados após a goleada da última segunda-feira (28), sobre o Coritiba, por 4 a 0, no Rio de Janeiro, pela 12ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. O clube informou que o atleta está isolado e cumprindo a quarentena.

+Covid-19: ocupação em leitos de UTI na rede municipal do Rio chega a 91% 

Ganso é o décimo jogador do Fluminense afastado pela covid-19, sendo o sexto do time principal. Nos testes realizados na última sexta-feira (25), foram diagnosticados com o vírus o lateral Calegari, o zagueiro Luccas Claro, o meia Miguel e os atacantes Luiz Henrique e Marcos Paulo. Além deles, outros quatro atletas da equipe sub-23 (o zagueiro Luan e os volantes André, Nascimento e Martinelli) também deram positivo para a covid-19.

+Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

+Pesquisa mostra que quase 40% das plantas estão ameaçadas de extinção 

Do elenco, o meia Nenê e os atacantes Wellington Silva e Fred já haviam sido infectados em outro momento. O camisa 9, caso mais recente, retornou aos gramados justamente na segunda (28), após duas semanas afastado, em recuperação. Em meio aos desfalques, o Tricolor volta à campo no próximo domingo (4), diante do Botafogo, às 11h (horário de Brasília), no estádio Nilton Santos, pela 13ª rodada do Brasileirão.

+Descubra onde vacinar seu cão contra raiva. Campanha começa quinta (1º) 

Continua após a publicidade
Publicidade