Clique e assine por apenas 3,90/mês

Estrada que dá acesso ao Cristo Redentor é interditada para reparos

Interdição temporária vai recuperar danos provocados por temporais

Por Agência Brasil - 2 out 2020, 16h51

A Defesa Civil do Município do Rio de Janeiro determinou a interdição temporária da Estrada das Paineiras, via utilizada pelas vans da concessionária Paineiras-Corcovado que levam visitantes ao Cristo Redentor. A informação foi divulgada nesta sexta (2) pelo Parque Nacional da Tijuca, que, a partir desta sexta-feira, bloqueará também o acesso de pedestres, ciclistas e veículos à via.

+Onda de calor: Rio tem maior temperatura do ano e sensação de 48°C 

A interdição se dá em razão dos impactos causados pelos temporais dos dias 21 e 22 de setembro. As ações necessárias para a recuperação dos trechos afetados serão avaliadas pela Defesa Civil e pela Fundação Instituto de Geotécnica (GeoRio), que identificou o problema em uma vistoria no local.

Apesar da interdição da Estrada das Paineiras, o Cristo Redentor continuará aberto à visitação. O único acesso disponível será o Trem do Corcovado, que parte do Cosme Velho.

Em sua página na internet, a concessionária Paineiras-Corcovado informa que interrompeu, entre os dias 2 e 6 de outubro, a venda de bilhetes para acessar o Cristo Redentor. A empresa orienta quem comprou passagens para o período da interdição a solicitar estorno em seu site.

Continua após a publicidade

+Rio já recebeu 24 pacotes com ‘sementes misteriosas’ da China 

A interdição ocorre cerca de um mês depois da reabertura total da Estrada das Paineiras, que ocorreu no dia 15 de agosto. A via, que corta o Parque Nacional da Tijuca, foi totalmente interditada em 17 de março, por causa da pandemia de covid-19, e reabriu apenas para pedestres e ciclistas em 9 de julho.

+Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

O Instituto Chico Mendes de Conservação e Biodiversidade (ICMBio), que administra o Parque Nacional da Tijuca, informa que a interdição que afeta a Estrada das Paineiras se estende para todo o setor Serra da Carioca, área do parque em que fica o Corcovado. Os demais setores do parque, como o Floresta e o Pedra Bonita e Pedra da Gávea, continuam parcialmente abertos, com a permissão da prática de atividades físicas, como caminhadas, trilhas e ciclismo, das 8h às 17h. Veículos motorizados continuam proibidos.

+Escolas privadas do Rio tomam decisões distintas após retorno liberado 

Continua após a publicidade
Publicidade