Clique e assine por apenas 4,90/mês

Com filha prestes a ser presa, Roberto Jefferson fala de ‘família cristã’

Pai de Cristiane Brasil, investigada por corrupção, político debaterá 'A importância da família cristã nas eleições' em live com Silas Malafaia

Por Cleo Guimarães - Atualizado em 11 set 2020, 16h34 - Publicado em 11 set 2020, 12h02

No mesmo dia em que a ex-deputada federal Cristiane Brasil teve a prisão decretada por suposta participação em esquema de corrupção, seu pai, o presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, vai participar de uma live com Silas Malafaia. O assunto em questão será “A importância da família cristã nas eleições de 2020”.

Cristiane, ex-secretária de Envelhecimento Saudável da Prefeitura, estaria envolvida em supostas irregularidades em contratos de assistência social, que teriam desviado R$ 30 milhões dos cofres públicos. Ela teve a prisão decretada nesta sexta (11) mas não foi encontrada por agentes da Polícia Civil no prédio onde mora, em Copacabana. Pré-candidata à Prefeitura do Rio, Cristiane enviou nota à imprensa na qual cita “perseguição politica” e “vingança” na ação do Ministério Público e da polícia. Até a publicação desta reportagem, a ex-vereadora ainda estava sendo procurada. ATUALIZAÇÃO: a filha de Roberto Jefferson se entregou à polícia por volta das 16h desta sexta (11).

Continua após a publicidade

Búzios: prefeitura reabre praias e hotéis da cidade

Secretário Estadual de Educação, Pedro Fernandes foi preso na manhã desta sexta (11). Ele é suspeito de chefiar o esquema de corrupção que, de acordo com o MP, “viabilizava fraudes licitatórias (…), e prorrogava contratos fraudulentos, mediante recebimento de ‘propina’ que variavam entre 5% e 25% do valor pago pelo contrato”. Pedro ficará em prisão domiciliar, já que apresentou um exame que mostra estar contaminado com a Covid-19.

Covid-19: Rio registra mais 201 mortes pela doença

Além de Pedro, foram presos na operação o empresário Flavio Salomão Chadud; o ex-delegado Mario Jamil Chadud, pai de Flavio; e o ex-diretor de administração financeira da Fundação Leão XIII João Marcos Borges Mattos.

+ Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

Continua após a publicidade
Publicidade