Continua após publicidade

A crise de bilhões: como é o plano de recuperação judicial das Americanas

Entregue no limite do prazo, documento inclui aporte de 10 bilhões de reais, além de vendas de ativos, leilão reverso e conversão de dívidas em ações

Por Da Redação
21 mar 2023, 11h46

Mais de dois meses após divulgar em comunicado ter identificado “inconsistências em lançamentos contábeis” nos balanços corporativos, em um valor que chegaria a 20 bilhões de reais, a Americanas entregou seu plano de recuperação judicial à 4ª Vara Empresarial do Rio nesta segunda (20). A etapa faz parte do processo iniciado no dia 19 de janeiro, em que a empresa admitiu ter 43 bilhões de reais em dívidas com 16,3 mil credores. Com a aprovação do Conselho de Administração da Companhia, as medidas foram estabelecidas para que a varejista supere os problemas financeiros e continue suas atividades.

+ Covid-19: quem já tem o direito de tomar a vacina bivalente no Rio

Apresentado no limite do prazo estabelecido pela Justiça, o plano da Americanas inclui aporte de 10 bilhões de reais, além de vendas de ativos, leilão reverso e conversão de dívidas em ações. Entre os bens a serem vendidos estão uma aeronave avaliada em mais de 40 milhões de reais e da unidade de negócios Hortifruti Natural da Terra, assim como da participação no Grupo Uni.Co, que inclui empresas como a Imaginarium. Segundo o documento, o aporte bilionário será feito pelos acionistas de referência da empresa: Jorge Paulo Lemann, Marcel Herrmann Telles e Carlos Alberto Sicupira.

+ Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Continua após a publicidade

Com a reestruturação, a Americanas pretende pagar credores trabalhistas, microempresas e pequenas empresas em até 30 dias após a homologação do plano de recuperação judicial. Já para os demais credores, como fornecedores e financeiros, os prazos variam de acordo com o saldo a pagar, podendo chegar a março de 2043 para aqueles que não optarem pelas alternativas  expostas pelo plano de recuperação judicial. A empresa disse que o plano segue em discussão e está sujeito a revisões e ajustes.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe mensalmente Veja Rio* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de Rio de Janeiro

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.