Clique e Assine a partir de R$ 3,90/mês

Covid-19: o que já se sabe sobre a campanha de vacinação no Rio

A expectativa da prefeitura e do governo do estado é de que o plano de imunização comece no próximo dia 20

Por Carolina Barbosa Atualizado em 4 jan 2021, 12h16 - Publicado em 4 jan 2021, 12h15

Em reunião na manhã de domingo (3), o prefeito Eduardo Paes (DEM) e o governador em exercício Claudio Castro (PSL) afirmaram que pretendem iniciar a campanha de vacinação contra a Covid-19 ainda no dia 20 deste mês, dia de São Sebastião, padroeiro da capital. Apesar do otimismo, o calendário depende do Plano Nacional de Imunizações (PNI), ainda sem data de início.

+ A impressionante ‘onda de lixo’ na Praia de São Conrado: veja vídeo

No cronograma da prefeitura constam 450 pontos de vacinação, com a participação de 10 500 profissionais de saúde. Na primeira fase, idosos acima de 75 anos são os atendidos.

Como plano B, Paes mantém o acordo selado com o governador de São Paulo, João Doria, para fornecimento da vacina Coronavac, produzida em parceria com o Instituto Butantan e a famacêutica chinesa Sinovac.

Como está o plano até o momento:

– Cerca de 2,6 milhões de pessoas dos grupos prioritários serão imunizadas inicialmente

Continua após a publicidade

– Grupos prioritários para a primeira fase são pessoas com mais de 75 anos, trabalhadores da Saúde, idosos que moram em abrigos, indígenas e quilombolas

– Em outras três fases serão atendidas 1 675 384 pessoas, o que inclui idosos com 60 a 74 anos, pessoas com comorbidades, professores e forças de segurança, entre outros

– Para os outros grupos da população, o restante do cronograma seguirá o planejamento do governo federal.

Neste domingo (3), numa edição extra do Diário Oficial do município, foi publicado um chamamento público para a contratação de 150 leitos para a Covid-19 na rede privada.

+Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Continua após a publicidade
Publicidade