Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Coronavírus: Paes fecha parceria com Doria para compra de vacina

Prefeito anunciou termo de cooperação com governador de São Paulo para compra da CoronaVac; expectativa é que imunização comece no final de janeiro

Por Cleo Guimarães 21 dez 2020, 13h39

Se tudo correr como Eduardo Paes espera, a população do Rio começará a ser imunizada contra a Covid-19 no final de janeiro de 2021. O prefeito eleito fez esta afirmação no domingo (20), em vídeo compartilhado pelo governador de São Paulo, João Doria.

Covid-19: praias cheias no Rio são alerta para alto risco de contágio

Paes e Doria assinaram um protocolo de entendimento entre a Prefeitura do Rio e o Instituto Butantan para a compra da vacina CoronaVac, contra o coronavírus. Ainda não há definição sobre a quantidade nem o custo das doses que serão compradas nesta parceria. O plano de enfrentamento à Covid-19 será anunciado por Paes no próximo dia 28 de dezembro, e ele levará em conta as informações e sugestões levantadas na reunião entre o prefeito e a presidente da Fiocruz, Nísia Trindade, marcada para esta segunda (21).

Coronavírus: morte de Nicette Bruno acende alerta para reuniões familiares

Segundo Paes, no encontro serão discutidas “todas as alternativas possíveis” para a imunização na cidade. O levantamento divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde neste domingo (20), o município do Rio registrou 156 583 casos da doença desde o início da pandemia, com 14 293 mortos em decorrência da Covid-19.

Continua após a publicidade

Coronavírus: como será o plano de vacinação do Rio

 

View this post on Instagram

A post shared by Eduardo Paes (@eduardopaes)

 

Continua após a publicidade
Publicidade