Clique e assine por apenas 4,90/mês

Coronavírus: hotéis do Rio instalam tapumes para evitar invasões

Medida foi tomada na Zona Sul, do simples hostel ao cinco estrelas recém-inaugurado: o temor é de atos de vandalismo enquanto estiverem de portas fechadas

Por Cleo Guimarães - Atualizado em 31 mar 2020, 16h06 - Publicado em 31 mar 2020, 15h52

Fechados por causa da pandemia de coronavírus e do isolamento social, boa parte dos hotéis da Zona Sul instalaram tapumes e grades em suas entradas. Temendo invasões e depredações e com boa parte dos responsáveis pela segurança dos imóveis em quarentena, a solução adotada pelo setor hoteleiro foi criar barreiras físicas em seus acessos, até porque não há previsão de quando irão reabrir. A recomendação do uso de tapumes foi feita pela Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Rio de Janeiro. “É uma maneira de evitar o vandalismo”, afirma Alfredo Lopes, presidente da ABIH-RJ.

Covid-19: bares e restaurantes criam soluções para pagar funcionários

Oskar Metsavaht, dono do Janeiro Hotel, na orla do Leblon, diz que o muro preto de madeira compensada erguido em frente ao estabelecimento teve outros motivos: “Os tapumes foram colocados para a proteção dos móveis e vidros contra a maresia e o vento”. É o que alega também Daniel Gorin, do Arpoador e Ipanema Inn.

+ Para receber a Veja Rio em casa, é só clicar aqui.

Publicidade