Continua após publicidade

Cidades da Região dos Lagos e da Serra instalam barreiras no superferiado

Destinos turísticos nestas localidades vão barrar quem não tiver reserva ou casa de temporada

Por Carolina Barbosa Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
24 mar 2021, 13h34

Cidades turísticas do Rio, localizadas na Região Serrana do Rio e na Região dos Lagos, instalaram barreiras sanitárias e adotaram medidas bastante restritivas para os feriados antecipados. Ou seja, o famoso “bate e volta” está comprometido.

O fechamento das praias, segundo decreto estadual, foi uma das medidas nos municípios da Região dos Lagos.

Veja como será de acordo com cada região:

Região dos Lagos

Búzios

– Barreira sanitária exige comprovante de reserva;
– Proibido eventos, shows e festas;
– Proibido ficar na praia ou mergulhar no mar;
– Quiosques da orla e comércio ambulante proibidos;
– Restaurantes só podem atender em mesas e com 50% da capacidade;
– Passeios de barco estão limitados a 50% da lotação;
– Transporte público também limitado à metade da lotação.

Arraial do Cabo

– Comprovante de reserva para barreira sanitária;
– Barcos só podem fazer um passeio por dia.

Maricá

– Comprovante de reserva para barreira sanitária;
– Só funcionam serviços essenciais;
– Fechados casas de eventos e festas e salões de beleza;
– Proibida a permanência e entrada no mar. Atividades físicas individuais estão permitidas

Continua após a publicidade

Saquarema

– Comprovante de reserva para barreira sanitária;
– Proibido ficar na praia ou mergulhar no mar;
– Locais públicos estarão fechados, a exemplo de praças;
– Maior fiscalização no comércio.

Região Serrana

Petrópolis

– Comprovante de reserva para barreira sanitária; vouchers de compras da Rua Teresa. Também pode passar quem tem casa por lá;
– Pontos turísticos fechados, a exemplo do complexo do Museu Imperial.

Teresópolis

– Inserção de barreiras sanitárias;
– Rodízio de pessoas de acordo com o dígito do CPF.

Friburgo

– Inserção de barreiras sanitárias.

Continua após a publicidade

+Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe mensalmente Veja Rio* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de Rio de Janeiro

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.