Clique e assine por apenas 4,90/mês

Câncer incurável é tema de palestras gratuitas no Rio

Evento discute o papel da equipe multidisciplinar no tratamento dos pacientes que sofrem com mieloma múltiplo

Por Redação VEJA RIO - 3 jul 2017, 19h04

O Hemorio recebe, nesta terça (4), um ciclo de palestras que tratam da importância da equipe multiprofissional no tratamento de um tipo de câncer incurável: o mieloma múltiplo, que afeta cerca de 230 mil pessoas no mundo, segundo a Agência Internacional para a Pesquisa do Câncer (Iarc). Realizado pela associação Pró-Vita, o evento busca levar informações atualizadas sobre a doença para pacientes, cuidadores e profissionais de saúde.

Apesar de surgir na maior parte dos casos em pessoas acima de 70 anos, a incidência do mieloma múltiplo em pessoas mais novas aumentou. Esse tipo de câncer ocorre quando um grupo de células plasmáticas (responsáveis pela produção de anticorpos, componentes importantes do sistema imune) cresce de maneira desordenada, comprometendo assim o funcionamento correto da medula óssea, responsável pela produção dos componentes do sangue, como glóbulos vermelhos e brancos, e as plaquetas. O avanço da doença provoca nos pacientes sintomas como: dores e fraturas ósseas; fraqueza e fadiga por conta da anemia; confusão mental; perda de peso; sede excessiva; em função dos níveis de sódio no sangue; problemas nos rins; e infecções.

As inscrições podem ser feitas gratuitamente pelo site www.provita.org.br. Em caso de dúvidas, os interessados devem entrar em contato pelo telefone (21) 2206-1615.

Rua Frei Caneca, nº 8 – Centro (auditório do Hemorio – 3º andar), 7h30 às 12h. Grátis.

Publicidade