Continua após publicidade

Instituições cariocas reforçam campanhas contra a fome para o Natal

Projetos sociais arrecadam alimentos, brinquedos e itens de higiene para apoiar pessoas em situação de vulnerabilidade. Veja como também ajudar

Por Redação VEJA RIO Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 29 nov 2022, 19h01 - Publicado em 29 nov 2022, 13h45

É comemorado nesta terça (29) o Dia Internacional de Doar, data que reforça a importância de ajudar pessoas em situação de vulnerabilidade por meio de doações solidárias. Com o Natal chegando, as ONGs e instituições sociais têm contado com esses donativos para garantir um fim de ano sem fome para diversas famílias. Somente no estado do Rio, 2,7 milhões de fluminenses passam fome, segundo dados do 2º Inquérito Nacional sobre Insegurança Alimentar no Contexto da Covid-19 no Brasil, o que torna essa corrente solidária ainda mais importante. 

+ O Papai Noel chegou: atrações natalinas para as curtir com crianças no Rio

Saiba como doar para diferentes instituições e campanhas:

Natal que Transforma

Lançada pela ONG Gastromotiva, que já serviu mais de 3,5 milhões de refeições no país ao longo do ano, a campanha tem a meta de distribuir 10 000 refeições nutritivas em dezembro para pessoas em situação de insegurança alimentar. Os alimentos serão servidos por meio dos projetos Refettorio Gastromotiva, no Rio, e do Programa Cozinhas Solidárias Gastromotiva, que atua hoje nos estados do Rio, São Paulo, Paraná, Amazonas, Bahia, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. Para doar, basta entrar no site da Gastromotiva, escolher o valor e contribuir via boleto, pix ou cartão de crédito. Quem quer se tornar um doador frequente do projeto também pode escolher a opção “recorrente” na hora da doação.

Natal sem Fome

Criada em 1993 pelo sociólogo Herbert de Souza, o Betinho, a Ação da Cidadania tem mobilizado a campanha com o objetivo de superar a marca atingida no ano passado, de mais de 1 milhão de pessoas ajudadas. A doação pode ser realizada no site da iniciativa, com pagamento via Pix, cartão, PayPal, boleto ou PicPay.

A Fome Mora ao Lado

A campanha do Voluntariado Viva Rio arrecada alimentos não perecíveis para gerar cestas básicas. Qualquer pessoa que queira doar pode entrar em contato pelo e-mail progvoluntariado@vivario.org.br, ou pelos números de whatsApp (21)98711-7692 e (21)99917-2962. A partir de 50 kilos, o grupo também faz a retirada de alimentos. De segunda a sexta, as doações menores podem ser deixadas nos pontos de coleta:
– Sede do Viva Rio, na Rua Alberto de Campos, 12, em Ipanema, no espaço Favela Hub.
– Clínica da Família Felippe Cardoso, na Av. Nossa Sra. da Penha, 42, Penha.
– Centro Municipal de Saúde Heitor Beltrão, na Rua Desembargador Izidro, 144, Tijuca.

Continua após a publicidade

Por Um Natal Melhor

No último ano, a campanha da Voz das Comunidades, distribuiu 40 toneladas de alimentos para três mil famílias. Este ano, a meta é superar esse resultado, chegando a 65 toneladas. A ação atenderá os moradores dos Complexos do Alemão, da Penha e da Maré, e das comunidades de Vidigal, Cidade de Deus, Vila Kennedy, Vila Vintém, Cantagalo, Pavão-Pavãozinho, Rocinha, Providência, Jacarezinho e Morro do Urubu. É possível fazer doar via Pix (chave: 213177670001-19), ou entrar em contato pelo número 99634-8520 para doar uma cesta básica.

Compartilhe essa matéria via:

Natal da CUFA

A Central Única das Favelas (CUFA) pretende arrecadar este ano brinquedos e cerca de 25 000 toneladas de alimentos para contemplar mais de 5 000 favelas em todo o Brasil. No Rio, comunidades como o Complexo da Penha, Rocinha e Acari também receberão ações para além da entrega de alimentos e brinquedos. Atualmente é possível fazer doações mensais para a CUFA, seja por Pix ou transferência bancária. Mais informações no site.

Só Vamos!

Nos dias 24 e 25 de dezembro, o projeto unirá voluntários para promover uma ceia de Natal para a população em situação de rua. Comidas típicas dessa época do ano serão servidas em mesas, para que os atendidos possam fazer a ceia sentados. A ação ainda contará com um ônibus itinerante e adaptado que oferecerá 30 banhos, barbeiros, e música ao vivo para tornar o momento especial. A ONG pede a contribuição de R$ 25,00, que pode ser feita via Pix (47.855.208/0001-56) ou transferência bancária (Banco Bradesco; ag: 3249; cc: 0032451-5; Associação Só Vamos).

Família na Mesa

A ONG que atua na Rocinha pretende fazer uma grande festa no Ciep Ayrton Senna, em frente à comunidade, no dia 18 de dezembro, para reunir cerca de 1.500 pessoas. É possível entrar em contato e saber mais informações sobre o projeto por meio do Instagram e do site do grupo.

Continua após a publicidade

Natal Fraterno

Realizado desde julho de 2021, o projeto Fraternidade na Rua promove a campanha para arrecadar alimentos não perecíveis, principalmente arroz, feijão, macarrão, óleo, fubá e farinha. O projeto pretende preparar uma ceia de natal para pessoas em situação de rua neste fim de ano. O grupo recebe doações até o dia 15 de dezembro no Centro de Acolhimento Referência, na Rua do Senado, 52, de segunda a sexta-feira, das 9h às 15h.

+ Sucesso de Shakira, que sacudiu Copa de 2010, embala clipe rodado na Maré

Eu ajudo como dá

Com o tema “Ajude a dobrar como dá”, a campanha de fim de ano da ONG vai duplicar o valor de quem realizar uma doação, com apoio de um patrocinador secreto. É possível doar de R$ 10,00 a R$ 200,00 via PIX (45337585001-78) ou pela vaquinha virtual. A meta de arrecadação é de R$ 10 000,00, valor que será usado na compra de cestas básicas para famílias da Rocinha e do Parque da Cidade.

Natal de Sorrisos

A iniciativa da Ação da Amizade está arrecadando recursos para distrubuir “kits de Natal” entre pessoas em situação de rua. O primeiro kit será composto por uma marmita natalina, panetone, sobremesa e refrigerante. Já o segundo terá um par de chinelos e um kit de higiene. Cada conjunto tem o valor de R$ 20,00, que pode ser doado por Pix (acaodaamizade@gmail.com) ou transferência bancária (AG: 2379; conta poupança: 1008780-5; Bradesco; Adrielli Ramos de Lima).

Parque Vivo

O projeto também recebe doações que serão destinadas para famílias de duas comunidades da Zona Sul. O objetivo da campanha é gerar de cem a 150 cestas básicas. Mais informações pelo telefone 98725-6283.

Continua após a publicidade

+ Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Instituto de Medicina e Cidadania

A campanha do instituto, que reúne voluntário da área da saúde, vai arrecadar doações para cestas básicas que serão enviadas às comunidades do Morro Azul, no Flamengo; Parque da Cidade, na Gávea; e Tavares Bastos, no Catete. As doações podem ser feitas por Pix (saudeimc@gmail.com) ou pelo site da instituição.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe mensalmente Veja Rio* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de Rio de Janeiro

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.