Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Vacina, sim: campanha para crianças e adolescentes vai até 29 de outubro

Serão disponibilizados 18 imunizantes para os menores de 15 anos. Confira o funcionamento dos postos no Rio

Por Luiza Maia Atualizado em 7 out 2021, 22h17 - Publicado em 7 out 2021, 12h54

No mês de outubro, será a vez de crianças e adolescentes comparecerem aos postos de saúde para atualizarem a caderneta de vacinação. Até o dia 29, a campanha será realizada para as faixas etárias de 0 a 14 anos. No próximo sábado, 16 de outubro, está programado um dia de mobilização nacional para incentivar a multivacinação.

+ Covid: setembro é o mês com menos mortes desde o início do ano no Rio

Segundo a Prefeitura do Rio, a expectativa é imunizar 1,2 milhão de pessoas do público-alvo no município. Ao todo, serão disponibilizadas 18 vacinas previstas pelo Programa Nacional de Imunizações (PNI). As clínicas da família, centros municipais de saúde e policlínicas vão funcionar de segunda a sexta, das 7h às 17h.

“Hoje continuamos em alerta para a Covid-19, mas não podemos negligenciar as demais doenças. A campanha de multivacinação está sendo fundamental para garantirmos que nossos jovens estejam com a proteção em dia para a retomada plena das atividades”, afirma o secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz.

+ Dia das Crianças: as atrações e novidades para os pequenos no Rio

Continua após a publicidade

As crianças poderão receber os imunizantes contra a BCG, hepatites A e B, pentavalente, pneumocócica 10-valente, poliomielite (inativada e oral), rotavírus, meningocócica C (conjugada), febre amarela, tríplice viral, tetraviral, tríplice bacteriana, varicela e HPV.

Já os adolescentes podem atualizar as vacinas contra a HPV, dupla adulto, febre amarela, tríplice viral, hepatite B, dTpa e meningocócica ACWY. Ambos os grupos devem portar a caderneta de vacinação ao se dirigirem aos postos.

+Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Adolescentes a partir de 12 anos que ainda não foram vacinados com a primeira dose contra a Covid-19 também poderão receber o imunizante junto a outras vacinas.  O PNI recomenda vacinação simultânea no mesmo dia, desde que sejam respeitados os locais de aplicação distintos.

Continua após a publicidade

Publicidade