Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Patricia Lins e Silva Por Patrícia Lins e Silva, pedagoga Educação

Escolas nunca se fecham

A escola deve estar sempre aberta, porque é onde as crianças e os jovens encontram proteção, conhecimento, alimento e afeto

Por Patricia Lins e Silva 8 fev 2021, 18h07

              A escola de Educação Básica é o espaço instituído especialmente para cuidar das crianças e dos jovens. Cuidar de sua formação em todos os sentidos, desde sua segurança até às demandas intelectuais, emocionais e físicas. Idealmente, o espaço deve estar sempre aberto, dia e noite, pois é nele que crianças e jovens sempre encontram proteção, conhecimento, alimento e afeto.

       O espaço da escola deve ser primordialmente assegurado, assim como seu funcionamento competente e o reconhecimento do educador como profissional de importância essencial. Escola é prioridade em qualquer situação porque são as novas gerações – patrimônio mais relevante, fundamental e indispensável de um país – que vão dar continuidade e conduzir a sociedade no futuro.

       Pais, mães e responsáveis trabalham, e o espaço confiável para deixar os filhos é a escola. As crianças e jovens precisam dela, que tem assumido cada vez mais funções além da aprendizagem. Na verdade, diante da constante transformação da realidade, o papel da escola tende a se expandir para muitas outras instâncias da vida das novas gerações.

             Infelizmente, a mentalidade da escola como espaço primordial da sociedade, como alicerce das comunidades, não existe ainda entre nós.

             Mas, por princípio, escolas não devem fechar nunca.

Continua após a publicidade
Publicidade