Clique e assine por apenas 3,90/mês
Cervejinha Por Blog Da produção aos estilos, tudo que você precisa saber sobre o universo das cervejas especiais, por Carolina Barbosa

Niterói ganha bar com oito torneiras de chopes artesanais

Recém-inaugurado em Icaraí, BrewBar dispõe de cem opções engarrafadas e cardápio elaborado por Carlos Henrique, o Cadinha, para harmonizar

Por Carolina Barbosa - Atualizado em 19 jul 2017, 12h02 - Publicado em 18 jul 2017, 18h37
Chope direto da torneira: oito bicas jorram estilos diferentes Eduardo Ribas/Divulgação

Cenário representativo no mercado cervejeiro, tanto pelo gabarito dos profissionais, quanto pelas marcas que de lá surgem, a cidade de Niterói conta com endereços já conhecidos do público, a exemplo do Armazém São Jorge, o Fina Cerva e a rede da Noi. No entanto, ainda há, sem dúvida, muito espaço para muitas empreitadas dedicadas à produção artesanal, sobretudo diante da demanda de cervejarias que há por lá. Nesse sentido, o novo investimento dos sócios Isabel Gomide (com experiência pela Noi, tanto em serviço quanto em distribuição e logística), Marcelo Venâncio e Diane Diaz, inaugurado no último sábado (15), vem para somar às ofertas de experiências aos amantes da bebida do outro lado da ponte. Sob o nome de Brewbar, o charmoso local descontraído, construído com dois andares e conceito de botequim, aposta em oito torneiras dedicadas a chopes de estilos diferentes que vão se revezar e priorizar marcas locais (a partir de R$ 10). Na data de abertura, por exemplo, estavam plugadas nas bicas variedades como a Noi Nera (Schwarzbier) e a Maracujipa (American IPA), da 2Cabeças, que chamavam atenção numa painel de vidro, de onde o público poderia enxergar a câmara fria com os barris ao fundo.

Pelas prateleiras do ambiente, com capacidade para sessenta pessoas acomodadas em mesinhas e cadeiras, estão dispostas ainda cerca de cem opções de rótulos engarrafados. À frente do cardápio está o chef Carlos Henrique, mais conhecido como Cadinha, que trouxe aos preparos uma pegada mais cervejeira. Ele desenvolveu, por exemplo, bolinhos como o linguarudo, porção com seis unidades de língua defumada, empanada com farinha de malte, servida com molho cítrico de Witbier. Outra sugestão leva à mesa seis bolinhos de arroz branco recheados com mix de cogumelos salteados na manteiga com salsinha, com molho teriyaki da casa. O carro-chefe foi batizado de carne na cerveja: trata-se de cubos de peito bovino cozidos em receita escura, oferecidos com cestinha de pães artesanais.

Eduardo Ribas/Divulgação

O Brewbar fica na Rua Lopes Trovão, 448, Loja 104, Icaraí, Niterói e funcionará por um mês, até agosto, em soft-opening, de terça a sexta feira, das 17h até 2h; e sábados e domingos, de meio-dia até 2h. Aceita todos os cartões.

Publicidade