Clique e assine por apenas 3,90/mês

Operação Lava Jato: Juiz Marcelo Bretas diz que teve celular clonado

Magistrado afirma que hackers teriam tentado acessar aplicativos de mensagens do aparelho

Por Cleo Guimarães - 24 jul 2020, 15h56

Responsável pela Operação Lava Jato no Rio, o juiz Marcelo Bretas usou suas redes sociais nesta sexta (24) para anunciar que teve o seu celular clonado, inclusive com tentativas de acesso a aplicativos de mensagens do aparelho. O magistrado, responsável pelas condenações do ex-governador Sergio Cabral e pelo pedido de prisão que levou o ex-presidente Michel Temer à cadeia por seis dias no ano passado, pediu atenção para mensagens ou ligações atribuídas ao número dele enviadas na quarta (22), dia da invasão.

Coronavírus: praias da Zona Oeste bombam e vivem dia de verão; veja vídeo

https://www.instagram.com/p/CDCEjVZjdim/?utm_source=ig_web_copy_link

Publicidade