SHOWS

Para cantar juntinho

Criado há dois anos, em São Paulo, o 5 a Seco lança seu disco de estreia no Oi Futuro Ipanema

Por: Rachel Sterman - Atualizado em

Braulio Araujo / Divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

Todos estão ali na casa dos 20 anos e têm discos-solo lançados ou quase prontos. Nesse começo de carreira já acumulam algumas conquistas, mas quando uniram forças, em 2010, o projeto saiu melhor do que a encomenda. O quinteto paulistano 5 a Seco trilhou o caminho habitual nos dias de hoje: começou em palcos pequenos, caiu nas redes sociais, deu o que falar e passou a lotar casas maiores. No Oi Futuro Ipanema, Léo Bianchini, Pedro Altério, Pedro Viáfora (filho do compositor Celso Viáfora), Tó Brandileone e Vinicius Calderoni vão mostrar o seu primeiro lançamento, o CD e DVD Ao Vivo no Auditório Ibirapuera.

Os cinco são cantores e violonistas ? e as cordas dominam seu repertório ?, mas também se revezam no baixo, na bateria e na percussão. Alegam influências variadas, do samba ao indie rock, passando pelo jazz. No trabalho do grupo, isso tudo se condensa em uma espécie de pop universitário de tempero brasileiro, bom para a garotada cantar junto ? como, aliás, acontece no palco com frequência. Estão previstas praticamente todas as músicas registradas no DVD. Vida de Artista, de Itamar Assumpção, a única das dezoito faixas que não foi composta por alguém do conjunto, pode ser a surpresa: no dia eles decidirão se a incluem ou não. Na terceira visita ao Rio, depois do Teatro Rival, em 2010, e do Solar de Botafogo, em novembro do ano passado, passeiam por baladas românticas, como Em Paz, e melancólicas, a exemplo de Sei Lá Eu, mas também animam a festa em Vou Mandar Pastar e Feliz pra Cachorro.

5 a Seco. Livre. Oi Futuro Ipanema (124 lugares). Rua Visconde de Pirajá, 54, Ipanema, ☎ 3201-3010, General Osório. Quinta (17), 21h. R$ 20,00. Bilheteria: 15h/21h (ter. e qua.); a partir das 15h (qui.). www.oifuturo.org.br.

Fonte: VEJA RIO