DIVERSÃO

É de graça

Confira 22 atrações gratuitas para curtir o fim de semana

- Atualizado em

SHOWS

Nivea Viva o Samba

O investimento em marketing e música já rendeu homenagens de Maria Rita à mãe, Elis Regina, e de Vanessa da Mata ao maestro Tom Jobim. No domingo (23), a marca de cosméticos agora celebra o samba na Praia de Copacabana. Sob a direção de Monique Gardenberg, quatro estrelas de diferentes gerações ocupam o palco ao ar livre para, no repertório, enfileirar clássicos do gênero. Diogo Nogueira lembra Poder da Criação, conhecida composição do pai, João Nogueira, e de Paulo César Pinheiro. Roberta Sá empresta toda a sua afinação a Eu Sambo Mesmo, pérola de 1946, assinada por Janet de Almeida, que ela gravou no disco de estreia. Completando o time, dois craques, Martinho da Vila e Alcione, recorrem a seus respectivos sucessos ? ele vai de Casa de Bamba e ela, de Não Deixe o Samba Morrer (Edson e Aloisio). Para começar, o quarteto entra em cena dividindo A Voz do Morro, de Zé Keti. Além de terem os momentos-solo, os artistas se revezam em duetos que prometem. As meninas ensaiaram Conto de Areia (Toninho e Romildo Bastos), imortalizada na voz de Clara Nunes. Martinho e Diogo Nogueira ainda defendem juntos Sou Eu, composta por Chico Buarque e Ivan Lins para o segundo. Caymmi, Cartola e Noel Rosa são alguns outros grandes autores garantidos no programa, embalado por banda com dezenove músicos.

Praia de Copacabana. Avenida Atlântica (altura da Avenida Princesa Isabel). Domingo (23), 17h. Grátis.

LEO AVERSA/divulgaçÃo
(Foto: Redação Veja rio)

José Miguel Wisnik

Ensaísta, professor de literatura e músico, o paulista José Miguel Wisnik exibe seu talento eclético de quinta (20) a domingo (23) na Caixa Cultural. No primeiro dia, ministra a palestra Nas Palavras das Canções - ao piano, interpreta composições brasileiras e aborda a relação, nas obras, entre melodia e letra. Nas outras três noites, à frente de um quarteto de instrumentistas e do cantor convidado Celso Sim, apresenta o repertório de Indivisível, álbum duplo lançado em 2011, recheado de parcerias com nomes como Chico Buarque, Alice Ruiz e Luiz Tatit. 12 anos.

Caixa Cultural (176 lugares). Avenida Almirante Barroso, 25, Centro, ☎ 3980-3815, Carioca. Quinta (20) a domingo (23), 19h. Grátis (palestra) e R$ 20,00 (shows). Bilheteria: 10h/21h (ter. e qua.); a partir das 10h (qui. a dom.).

CINEMA

7º Encontro de Cinema Negro Brasil, África e Caribe - Zózimo Bulbul

Em cartaz a partir de sexta (21), no Odeon Petrobras e no Centro Cultural Justiça Federal, o 7º Encontro de Cinema Negro Brasil, África e Caribe - Zózimo Bulbul carrega o nome do cineasta brasileiro, um grande incentivador do evento, falecido em 2013, e uma produção de quarenta filmes, entre longas, médias e curtas. No sábado (22), será exibido, às 17h30, no Odeon, Moi - Zaphira, a história de uma mulher que deseja uma vida melhor para sua filha e fará de tudo para a menina se tornar modelo. O drama, estrelado por Mariama Ouédraogo, levou o prêmio de melhor atriz no Fespaço, considerado o Oscar do cinema negro.

Odeon Petrobras. Praça Floriano, 7, Centro, ☎ 2240-1093 (700 lugares). R$ 4,00. Centro Cultural da Justiça Federal. Avenida Rio Branco, 241, Centro, ☎ 3261-2550 (56 lugares). Grátis. Confira a programação completa em abr.ai/cinema-negro-2014

CRIANÇAS

Bonecos no Parque

Próxima atração do festival, a peça Por Gentileza é inspirada na vida de José Datrino (1917-1996), o popular Profeta Gentileza. Direção de Josué Teixeira Soares (50min). Rec. a partir de 4 anos.

Teatro Municipal de Marionetes Carlos Werneck de Carvalho (300 lugares). Parque do Flamengo (altura do nº 300 da Praia do Flamengo), ☎ 2273-1497. Sábado (22) e domingo (23), 11h. Grátis. Até 26 de outubro. Confira a programação completa em abr.ai/bonecos-no-parque.

Troca-Troca de Livros

O projeto incentiva a troca de livros entre crianças, jovens e adultos. Na lista de obras infantis há títulos internacionais e nacionais de ficção, crônicas, biografias e comédias. Para participar, basta levar exemplares em bom estado de conservação. Não são aceitas obras didáticas nem técnicas. Cada leitor pode fazer duas trocas por vez. Imperator ? Centro Cultural João Nogueira.

Rua Dias da Cruz, 170, Méier, ☎ 2596-1090. Aos domingos, 10h/14h. Grátis.

Feira Literária

O Madureira Shopping promove o evento em parceria com a Emergir Livros. Além dos livros, que estarão disponíveis para leitura, fazem parte da programação atividades como teatro de fantoches, contação de histórias, jogos educativos, pintura e animação com personagens, além de contato com autores. A cada domingo, uma atividade diferente diverte a garotada. Esta semana haverá teatrinho infantil com a peça O Livro Mágico De Emília, das 15h às 16h.

Madureira Shopping. Estrada do Portela, 222, Madureira. ☎ 2488-1342. Grátis. Até 6 de abril.

Tem Criança na Cozinha

A oficina interativa do canal infantil Gloob ocupa um espaço de 70 metros quadrados, para crianças entre 4 e 10 anos. Há atividades gratuitas de culinária infantil, entre elas passo a passo de como preparar receitas fáceis e práticas para o lanche da tarde com amigos. O evento acontece até o dia 30 de março. Além disso, os promotores do Gloob darão dicas sobre medidas dos ingredientes, manuseio de panelas e demais utensílios e também dicas de segurança na cozinha. Cada sessão recebe turmas de até 18 crianças e tem a duração aproximada de 40 minutos. A distribuição de senhas acontecerá durante o horário de funcionamento das oficinas e por ordem de chegada.

BarraShopping. Avenida das Américas, 4666, Barra da Tijuca (Praça de Eventos ? Portaria I). Segunda a domingo, 14h às 19h20. Grátis. Até 30 de março.

Circo do Rio

O projeto do Grupo Off-Sina conta com uma série de atividades gratuitas relacionadas às artes da palhaçaria. Espetáculos de rua, seminários e aulas para artistas de várias regiões do País estão entre as ações do projeto. O projeto levará apresentações gratuitas a vários bairros da cidade com o objetivo é divulgar o circo-teatro de rua. Neste sábado, haverá apresentação dos espetáculos Tremelicando e Um Conto Mágico de Circo, além de um cortejo circense, no Largo do Machado.

Largo do Machado. Rua do Catete s/nº. Sábado (22), 15h, 16h e 17h. Grátis.

João e o Pé de Feijão

A peça narra a história do menino João que, a pedido de sua mãe, precisa vender o único bem da família: uma vaca malhada, por conta da situação difícil que estão vivendo. No caminho, ele se depara com a chegada de um circo e fica encantado com aquele mundo fascinante, com mágicos, malabaristas e palhaços. João acaba sendo convencido a trocar a sua vaquinha por grãos de feijões mágicos. A partir daí, muitas aventuras vão acontecer em sua vida.

Bangu Shopping. Rua Fonseca, 240, Bangu. ☎ 2430-5130. Domingo (23), 17h. Grátis.

Oficina de pintura facial artística

O Santa Cruz Shopping promove oficina de pintura facial artística para a criançada. Haverá recreadores promovendo gincanas, danças, brincadeiras e distribuição de brindes.

Santa Cruz Shopping. Rua Felipe Cardoso, 540, Santa Cruz. ☎ 2418-9400. Domingo (23), 13h às 17h. Grátis.

EXPOSIÇÕES

Assim Vivíamos

Em certa ocasião, o fotógrafo russo Vladimir Lagrange teve o retrato de um minerador censurado na revista para a qual trabalhava. A justificativa do editor: o rosto imundo do personagem, clicado em seu ambiente de trabalho, não parecia a representação mais adequada do homem soviético. Nascido em 1939, Lagrange enfrentou no dia a dia profissional o clima policialesco instaurado pelo regime comunista. Mas a maioria de suas fotos, curiosamente, não revela nenhum cunho político - ou pelo menos não no sentido estrito da palavra. Seu olhar embebido de poesia se voltou para o cotidiano do homem simples na antiga União Soviética, como revela a mostra Assim Vivíamos, em cartaz a partir de terça (18) na Caixa Cultural. Primeira exposição do fotógrafo na América Latina, organizada sob a curadoria de Luiz Gustavo Carvalho, a individual traz 65 imagens em preto e branco de cenas prosaicas, a exemplo de uma aula de balé infantil e de uma reunião de jovens em festa na Praça Vermelha, em Moscou. Aos mais interessados, vale o aviso: no dia da abertura, às 15 horas, a Caixa recebe o próprio Lagrange, 74 anos, para um bate-¬papo com a plateia. Não haverá distribuição de senhas, mas convém chegar cedo para garantir lugar.

Caixa Cultural - Galeria 4. Avenida Almirante Barroso, 25, Centro, ☎ 3980-3815, Carioca. Terça a domingo, 10h às 21h. Grátis. Até 25 de maio. A partir de terça (18).

roteiro-expos-c.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

O Golpe - 50 Anos Depois

Espalhadas por 2?000 metros quadrados, fotos históricas e instalações interativas contam a história do golpe militar que levou à ditadura no Brasil.

Armazém 6. Avenida Rodrigues Alves, s/nº, Zona Portuária. Informações, ☎ 2516-4893 e 2516-4857. Quarta a domingo, 14h às 21h. Grátis. Até 13 de abril. A partir de sábado (22).

Marcius Galan

Como Dobrar uma Bandeira Como Desdobrar é o nome da individual do artista e também de uma das obras apresentadas. Trata-se de uma instalação de parede inspirada pelo paradoxo geométrico segundo o qual podemos dividir uma área em duas partes iguais infinitamente. Outras treze obras compõem a mostra. R$ 40?000,00 a R$ 100?000,00.

Galeria Silvia Cintra + Box 4. Rua das Acácias, 104, Gávea, ☎ 2521-0426. Segunda a sexta, 10h às 19h; sábado, 12h às 18h. Grátis. Até 26 de abril. A partir de quinta (20).

Sandra Antunes Ramos

Cinquenta desenhos produzidos com lápis e caneta metalizada sobre papel integram a individual. Curiosidade: Sandra é casada com o também artista plástico Nuno Ramos e é irmã do cantor e compositor Arnaldo Antunes. R$ 2?000,00 a R$ 5?000,00.

Mul.ti.plo Espaço Arte. Rua Dias Ferreira, 417, sala 206, Leblon, ☎ 2259-1952. Segunda a sexta, 10h às 18h30; sábado, 10h às 14h. Grátis. Até 19 de abril.

A partir de quarta (19).

✪✪✪ Amor, Amor, Amor

Primeira mostra de 2014 no CCBB, a coletiva reúne 45 imagens, uma série fotográfica e dois vídeos do acervo da Maison Européenne de la Photographie (MEP), de Paris, que representam as mais distintas formas de amor pelo olhar de 23 fotógrafos. Há nomes como Henri Cartier-Bresson, Robert Doisneau e Pierre Verger. Curadoria de Jean-¬Luc Monterosso e Milton Guran.

Centro Cultural Banco do Brasil. Rua Primeiro de Março, 66, Centro, ☎ 3808-2020. Quarta a segunda, 9h às 21h. Grátis. Até dia 31.

BRICS

Como seu nome sugere, a coletiva de vídeo e fotografia reúne alguns dos mais importantes artistas do bloco de países emergentes conhecido como Brics: Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul. Entre os brasileiros estão Silvino Santos, Cao Guimarães, Paulo Nazareth, Romy Pocztaruk e Juliana Stein.

Oi Futuro Flamengo. Rua Dois de Dezembro, 63, Flamengo, ☎ 3131-3060, Largo do Machado. Terça a domingo, 11h às 20h. Grátis. Até 6 de abril.

✪✪✪ Cavalcante

Primeira retrospectiva do caricaturista carioca, a mostra reúne 114 trabalhos produzidos ao longo de mais de 25 anos de uma sólida carreira. Entre as personalidades retratadas em seu inconfundível traço estão Vinicius de Moraes, Nelson Cavaquinho, Cartola, Romário, Dilma Rous-seff, Hugo Chávez e Manuel Bandeira. Além das caricaturas, há ilustrações em nanquim, esboços inéditos, objetos-esculturas (que, segundo ele, servem de inspiração para desenhar) e sete telas.

Museu Nacional de Belas Artes. Avenida Rio Branco, 199, Centro, ☎ 3299-0600, Cinelândia. Terça a sexta, 10h às 18h; sábado, domingo e feriados, 12h às 17h. Grátis. Até dia 30.

✪✪✪ Chico Albuquerque

Pioneiro da fotografia publicitária no Brasil, o cearense se dedicou a outros temas, como revela a mostra O Estúdio Fotográfico. Em cerca de 120 imagens, há registros ligados à arquitetura, como o dos bastidores da construção do Pavilhão da Bienal, no Parque do Ibirapuera, cenas urbanas da capital paulista (onde o fotógrafo se radicou em 1945) e retratos de personalidades, a exemplo do paisagista Roberto Burle Marx.

Instituto Moreira Salles. Rua Marquês de São Vicente, 476, Gávea, ☎ 3284-7400. Terça a domingo, 11h às 20h. Grátis. Estac. grátis. Visitas guiadas de terça a sexta, às 17h. Até 25 de maio.

✪✪✪✪ Luigi Ghirri

Pensar por Imagens - Ícones, Paisagens, Arquitetura exibe 300 fotografias do italiano Ghirri (1943-1992), pioneiro no uso da cor na fotografia em seu país. Examinada em conjunto, a obra joga luz sobre questões ligadas à própria fotografia, especialmente o embate entre o mundo real e sua representação ilusória.

Instituto Moreira Salles. Rua Marquês de São Vicente, 476, Gávea, ☎ 3284-7400. Terça a domingo, 11h às 20h. Grátis. Estac. grátis. Visitas guiadas de terça a sexta, às 17h. Até 13 de abril.

✪✪✪ Resistir É Preciso

A exposição, organizada pelo Instituto Vladimir Herzog, aborda o período da ditadura militar no Brasil. Trata-se de um conjunto de obras de arte, imagens e documentos históricos da época. Entre os destaques estão a coleção do jornalista e ex-¬preso político Alípio Freire, com trabalhos de artistas plásticos como Sérgio Freire, Flávio Império e Sérgio Ferro, além de registros (alguns cen¬surados então) dos fotojornalistas Luis Humberto e Orlando Brito.

Centro Cultural Banco do Brasil. Rua Primeiro de Março, 66, Centro, ☎ 3808-2020. Quarta a segunda, 9h às 21h. Grátis. Até 7 de abril.

Tino Sehgal

Atual vencedor do Leão de Ouro na Bienal de Veneza e um dos finalistas do Turner Prize, em 2013, o artista inglês radicado em Berlim expõe no Brasil pela primeira vez. Sua obra, baseada no conceito de performance, não depende de suporte físico. Em These Associations, que leva à rotunda do CCBB, cerca de cinquenta pessoas caminham pelo espaço em uma coreografia ensaiada, param para relatar suas próprias histórias aos visitantes e, em seguida, voltam a andar.

Centro Cultural Banco do Brasil. Rua Primeiro de Março, 66, Centro, ☎ 3808-2020. Quarta a segunda, 9h às 21h. Grátis. Até 21 de abril.

Toz

Nome conhecido da arte urbana carioca, o grafiteiro Tomaz Viana, o Toz, ocupa 300 metros quadrados com uma grande instalação, na qual dois de seus personagens ganham destaque: o colorido Vendedor de Alegrias, com sua cabeça cheia de bolas, e o enigmático Insônia, identificado pelo par de olhos brilhantes.

Centro Municipal de Arte Hélio Oiticica. Rua Luís de Camões, 68, Centro, ☎ 2232-4213 e 2242-1012. Segunda a sexta, 12h às 20h; sábado, domingo e feriados, 11h às 17h. Grátis. Até 8 de maio.

Fonte: VEJA RIO