Lixo e Meio Ambiente

Cidade maravilhosa é cidade limpa

Capital recicla pouco, mas já tem planos para reaproveitar mais o lixo coletado

Por: - Atualizado em

Prefeitura agora vai multar quem preferir a rua à lixeira
(Foto: Silvestre Machado)

São cerca de 8 mil toneladas de lixo geradas diariamente no Rio. E só 3% deste total é reciclado. Um cenário que suja a imagem da cidade. Porém, algumas medidas já foram tomadas para melhorar o problema. Uma delas é o acordo firmado entre a Comlurb e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), que pretende aumentar o índice de reciclagem no município. Atualmente, apenas 35 garis recolhem o material reaproveitável, parcialmente, em 44 bairros; a meta é chegar a recolher e reciclar 25% do total do lixo até 2016. Para atingir este objetivo, a empresa pretende tirar do papel um projeto antigo e construir, no segundo semestre, a Central de Triagem de Irajá.Outra medida que começa a vigorar em agosto é a multa para quem jogar lixo no chão. Atualmente, são 3,2 mil toneladas de lixo em áreas públicas e 14 mil garis da Comlurb, que gasta R$ 16 milhões do orçamento anual de R$ 1,2 bilhão apenas na varreção de ruas e limpeza de praias. A multa, que será aplicada por agentes da Comlurb, da Guarda Municipal e da Polícia Militar, vai variar entre R$ 157 e R$ 3 mil.Participe!Ajude a mudar este cenário, ao criar um legado permanente para a cidade. Acompanhe mensalmente nas páginas de Veja Rio o projeto "Com o Rio, de Braços Abertos", interaja nas redes sociais www.facebook.com/vejario e www.instagram.com/vejario, comente as matérias no site de Veja Rio e fale conosco pelo e-mail bracosabertos@abril.com.br. Poste seus conteúdos com as hashtags: #bracosabertos e #riodebracosabertos.

Fonte: VEJA RIO