BARES

Cinco coquetéis com saquê

Depois da caipirinha, a bebida japonesa à base de arroz estrela outras sugestões na carta de bebidas

Por: Rachel Sterman - Atualizado em

Rodrigo Azevedo/RAZ Fotografia/divulgaçÃo
(Foto: Redação Veja rio)

Astor

Além de saquê, o watercress martini (R$ 24,00) leva gim, frutos cítricos e folhas de agrião (que, em inglês, vem a ser watercress).

Avenida Vieira Souto, 110, Ipanema, ☎ 2523-0085.

Bar do Lado

No bar do Hotel Marina All Suites, a releitura da sangria espanhola é feita com saquê, soda, uva, laranja e lichia (R$ 54,00 a jarra de 1 litro).

Avenida Delfim Moreira, 696 (Hotel Marina All Suites), Leblon, ☎ 2172-1100.

Mekong

A inspiração oriental da casa aparece em drinques como o thai foon (R$ 17,00), reunião de infusão mekong ? mistura de rum, saquê e especiarias ?, leite de coco, creme de cacau e noz-moscada.

Rua General Urquiza, 188, Leblon, ☎ 2529-2124.

Palaphita Kitch

No coquetel chico (R$ 21,50), servido na Lagoa, a bebida é misturada a um energético natural, feito de sumo de mangarataia, limão e groselha.

Avenida Epitácio Pessoa, s/nº, quiosque 20 (Parque do Cantagalo), Lagoa, ☎ 2227-0837.

Pipo

Atração no bar-restaurante do chef Felipe Bronze, o jiro san (R$ 20,00) é uma receita de saquê, lichia e shissô, folha típica do Japão.

Rua Dias Ferreira, 64, Leblon, ☎ 2239-9322.

Fonte: VEJA RIO