Clique e assine por apenas 7,90/mês

Filme de Anna Muylert é destaque no Grande Prêmio do Cinema Brasileiro

<em>Que horas ela volta?</em> levou 7 troféus enquanto <em>Chatô - O Rei do Brasil </em>ganhou cinco prêmios

Por Redação Veja Rio - Atualizado em 5 dez 2016, 11h01 - Publicado em 5 out 2016, 19h14

O Theatro Municipal do Rio foi o palco do 15º Prêmio do Cinema Brasileiro na noite desta terça (4). O grande vencedor foi Que Horas Ela Volta?, com sete troféus Grande Otelo, entre eles o de melhor longa-metragem de ficção. O filme de Anna Muylert também foi ganhador nas categorias melhor direção, melhor atriz, melhor atriz coadjuvante, melhor montagem ficção, melhor roteiro original e melhor longa-metragem ficção (Voto Popular). Camila Márdila faturou o prêmio de melhor atriz coadjuvante pelo longa metragem e aproveitou o discursopara protestar contra o presidente Temer, assim como muitos outros artistas da classe cinematográfica. Em segundo lugar, veio Chatô – O Rei do Brasil, de Guilherme Fontes, que levou cinco prêmios.

O grande homenageado da noite foi o diretor Daniel Filho, que tem no currículo mais de 86 novelas, 51 minisséries e seriados, além de 18 musicais e 108 filmes. Em edições anteriores, a honra já foi de Domingos de Oliveira (2014) e do cineasta Roberto Farias (2015). Na abertura do prêmio, foi lembrado Zé Maria de Oliveira, empreendedor do cinema que morreu em janeiro deste ano.

Veja a lista completa dos finalistas e vencedores do 15º Grande Prêmio do Cinema Brasileiro

 

Publicidade