Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Museus do Pontal e Bispo do Rosário lançam exposição em parceria

Coletiva reúne dez obras, entre pinturas e esculturas, de artistas que integram o Atelier Gaia, gerido por pacientes psiquiátricos

Por Redação VEJA RIO Atualizado em 27 Maio 2022, 19h20 - Publicado em 27 Maio 2022, 16h20

Museu do Pontal inaugura neste sábado (28), às 15h, a exposição Prosperidade, Felicidade em Tudo. A coletiva reúne dez obras, entre pinturas e esculturas, de Arlindo Oliveira, Clovis Aparecido dos Santos, Leonardo Lobão, Luiz Carlos Marques, Patrícia Ruth, Pedro Mota e Rogéria Barbosa, que integram o Atelier Gaia, espaço vinculado ao Museu Bispo do Rosário Arte Contemporânea.

+ Samba bom: Casuarina, Moyseis Marques e Arlindinho agitam o Beco do Rato

O Museu Bispo do Rosário abriga as obras de Arthur Bispo do Rosário, que passou décadas internado na Colônia Juliano Moreira (que hoje abriga também o espaço cultural). Os artistas do Atelier Gaia gerem coletivamente o espaço, com o apoio e acompanhamento de Ricardo Resende e Diana Kolker, curador-geral e curadora pedagógica do Museu Bispo do Rosário, respectivamente. Por meio do atelier, é possível questionar e romper estigmas normalmente associados a pacientes psiquiátricos.

Compartilhe essa matéria via:

A abertura acontece no mês de maio, que marca a luta antimanicomial, e conta com uma fala de Raquel Fernandes, diretora do Museu Bispo do Rosário, sobre saúde mental e o Atelier Gaia. A mostra marca o início da parceria entre o Museu do Pontal e o Museu Bispo do Rosário, duas instituições da Zona Oeste que buscam contribuir para que a região se torne referência para centro culturais na cidade.

Continua após a publicidade

+ Jardim Botânico do Rio recebe programação dedicada à Mata Atlântica

Paralelamente à mostra, será exibido o curta Eu Preciso Destas Palavras Escrita (2017), de Milena Manfredini e Raquel Fernandes, em que o ator Luciano Quirino vive Arthur Bispo do Rosário. Marinheiro e pugilista, em 1938 foi internado na Colônia Juliano Moreira, com diagnóstico de esquizofrenia, e inicia sua peregrinação em busca do divino e da catalogação do universo.

Museu do Pontal. Avenida Celia Ribeiro da Silva Mendes, 3.300, Barra. Abertura: Sáb. (18), 15h. Qui. a dom., 10h/18h. A entrada é gratuita, mas o visitante pode fazer uma doação. Até 26 de junho. Ingressos pelo http://www.sympla.com.br.

+ Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Saiba tudo o que acontece na Cidade Maravilhosa. Assine a Veja Rio e continue lendo.

Impressa + Digital

Plano completo da Veja Rio! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da Veja Rio, diariamente atualizado.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas do Rio.

Receba mensalmente a Veja Rio impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet

a partir de R$ 12,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas do Rio.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)