Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Musa da nova geração, Halsey leva seu eletropop ao Vivo Rio

Engajada com questões sociais atuais, a cantora americana mostra o repertório de seu segundo álbum, 'Hopeless Fountain Kingdom'

Por Carol Zappa 4 jun 2018, 08h00
Halsey: diva millennial ./Divulgação

Dona de uma legião de seguidores virtuais (7,4 milhões no Instagram e mais de 3,4 milhões no YouTube), Halsey — anagrama do primeiro nome da americana Ashley Nicolette Frangipane, de 23 anos — é um retrato fiel da geração millennial. Indicada ao Grammy em 2017 pela parceria com o duo Chainsmokers no hit Closer, a cantora despontou em 2015 com o confessional álbum Badlands, costurado pelo pop eletrônico de canções como New Americanna, espécie de hino da turma de 20 e poucos anos. Reconhecida por falar abertamente de sua bissexualidade e de sua bipolaridade, ela chamou atenção no início do ano na Marcha das Mulheres, em Nova York, com um comovente poema sobre abusos e em defesa do movimento feminista. Inspirado no clássico Romeu e Julieta, seu segundo álbum, Hopeless Fountain Kingdom, abastece a turnê, que tem abertura de Lauren Jauregui, do Fifth Harmony, às 20h30. Vivo Rio. Avenida Infante Dom Henrique, 85, Parque do Flamengo. Quinta (7), 21h30. R$ 260,00 (pista) a R$ 420,00 (pista premium e camarote A).

 

Publicidade