Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Jorge Aragão, Diogo Nogueira e outros shows para comemorar o Dia Nacional do Samba

Orgulho nacional, o ritmo é celebrado em 2 de dezembro. De quinta a domingo, a cidade recebe diversos eventos em homenagem à data

Por Kamille Viola Atualizado em 7 dez 2021, 19h38 - Publicado em 1 dez 2021, 16h15

Dia Nacional do Samba na Glória

O bairro, que concentra quatro importantes rodas de samba, vai ter uma grande programação dedicada ao gênero musical pelo Dia Nacional do Samba. Tendo como homenageada Dona Ivone Lara, no ano de seu centenário, o evento traz GastroSamba, com chorinho (15h), a roda Ed Samba (16h30), Gloriosa Roda de Samba (18h), Sambastião (19h30), Rodão Glorioso, com todas as rodas de samba da Glória juntas (21h30), e Bateria Show da Folia Carioca, com participações especiais de Marina Íris e Áurea Martins. A DJ Cris Pantoja abre o evento e se alterna com a DJ Biêta nos intervalos.

Praça Nossa Senhora da Glória, na altura do número 93. Dom. (5), 13h/22h. Grátis.

Jorge Aragão e Diogo Nogueira

Os sambistas inauguram o projeto Dois no Samba. Diogo Nogueira abre a noite com sucessos como Pé na Areia, Tá Faltando o Quê e Clareou, além da nova música, Flor de Caña. Em seguida é a vez de Jorge Aragão, que apresenta clássicos de seu repertório, entre eles  Do Fundo do Nosso Quintal, Eu e Você Sempre, Papel de Pão e O Show Tem que Continuar.

Espaço Hall. Avenida Ayrton Senna, 5.850, Gardênia Azul. Sex. (3), 21h (abertura da casa). Ingressos pelo http://www.ingressorapido.com.br. R$ 25,00 a R$ 100,00.

Moacyr Luz e Samba do Trabalhador

O cantor e compositor leva para a tradicional casa da Lapa a roda que faz sucesso há 16 anos no clube Renascença. O repertório traz músicas lançadas pelo grupo no disco Fazendo Samba, de 2020, além sucessos de Moa, como Saudades da Guanabara e Vida da Minha Vida. Mauro Diniz se apresenta em seguida, acompanhado pela Banda Beco do Rato.

Beco do Rato. Rua Joaquim Silva, 11, Lapa. Sex. (3), 18h e 23h. Ingressos pelo http://www.sympla.com.br. R$ 30,00.

Rita Benneditto

No show Samba de Benneditto, a cantora reúne 26 composições, entre clássicos e músicas autorais, numa viagem pela história da cultura afro-brasileira, com sambas de várias épocas e estilos. O repertório vai de Dorival Caymmi a Luedji Luna,  passando por Jovelina Pérola Negra, Dona Ivone Lara e Zeca Pagodinho.

Teatro Rival Refit. Rua Álvaro Alvim, 33-37, Cinelândia. Sex., 18h30 (abertura da casa). Ingressos pelo http://www.sympla.com.br. R$ 40,00 (meia-entrada) a R$ 80,00.

Roberta Sá

A cantora estreia um novo projeto, SambaSá, uma roda de samba onde recebe convidados. Os encontros vão acontecer sempre aos domingos, nos dias 5, 12 e 19 de dezembro. Roberta canta sucessos seus e de outros artistas. Entre as músicas, estão Alô Fevereiro, Amanhã é Sábado, Maneiras (do repertório do Zeca Pagodinho) e Fala Baixinho (famosa pela gravação do grupo Revelação). Na primeira edição, ela conta com a participação de Mariana Aydar.

Tuna Beach & Bar. Avenida Niemeyer, 110, Leblon. Dom. (5), 14h (abertura da casa). Ingressos pelo http://www.sympla.com.br R$ 40,00 (mulher) e R$ 60,00 (homem).

Roda de Samba PedeTeresa

Comemorando oito anos de existência, o grupo volta a realizar o evento na Praça Tiradentes, que já reuniu 2 mil pessoas por edição. Formado por Alex Oliver (percussão geral), Blade Percussão (percussão e voz), Leo Rosário (cavaco e voz) e Luna (percussão e voz), o grupo passeia por clássicos de Cartola, Candeia, Dona Ivone Lara e outros.

Continua após a publicidade

Praça Tiradentes, Centro. Sex. (3), 18h. Grátis

Samba da Ouvidor

Criada há 14 anos no Centro, a roda não acontece desde o início da pandemia. O grupo é formado por Gabriel Cavalcante (voz e cavaquinho), Julião Pinheiro (violão 7 cordas), Iuri Bittar (violão), Ronaldo Gonçalves (cavaquinho), Nilson Visual (surdo), Marcus Thadeu, Jeferson Scott (percussão) e Edoardo Picorelli e Leonardo Lelê (tamborim). No repertório, sambas de grandes compositores, como Silas de Oliveira, Dona Ivone Lara e Cartola.

Cidade das Artes. Avenida das Américas, 5300, Barra. Qui. (2), 20h. Ingressos pelo http://www.sympla.com.br. R$ 20,00 (meia-entrada) e R$ 40,00. 

Samba Independente dos Bons Costumes

A Fundição Progresso abre as portas depois de quase dois anos com a roda de samba, que vai acontecer toda quinta. No repertório do grupo, clássicos do samba e do pagode, além de músicas autorais. O evento, que antes ocupava o espaço Anexo, no térreo, agora acontece no palco São Sebastião, que fica dentro do Centro Cultural Fundição Progresso.

Fundição Progresso. Rua dos Arcos, 24, Lapa. Qui. (4), 21h30. Ingressos pelo http://www.eventim.com.br. Grátis até 22h (primeiras 200 pessoas), R$ 30,00 (meia-entrada) e R$ 60,00.

Samba no MAR

E a roda de samba PedeTeresa vai seguir pelo fim de semana celebrando a data. Fundada em 2013 no Bairro de Fátima (aos pés de Santa Teresa, daí o nome), ela ocupa o Museu de Arte do Rio (MAR) para comemorar o Dia Nacional do Samba.

Museu de Arte do Rio. Praça Mauá, 5, Centro. Dom. (5), 15h/18h. Grátis.

Velha Guarda Musical da Mangueira

No show Velha Guarda Musical da Mangueira Conta e Canta Cartola, os bambas contam histórias sobre a vida e a obra do fundador da Verde e Rosa. Outra mangueirense ilustre, Leci Brandão, participa da apresentação. No repertório, clássicos como As Rosas Não Falam, O Mundo é um Moinho, Alvorada e Tive Sim, entre outros. O evento acontece dentro do projeto Fim de Tarde, da Funarj.

Teatro João Caetano. Praça Tiradentes, s/nº, Centro. Sex. (3), 18h30. Ingressos pelo http://www.sympla.com.br. R$ 5,00.

+ Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Saiba tudo o que acontece na Cidade Maravilhosa. Assine a Veja Rio e continue lendo.

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas do Rio.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo da Veja Rio! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da Veja Rio, diariamente atualizado.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas do Rio.

Receba mensalmente a Veja Rio impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet

a partir de R$ 12,90/mês