Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Festival Novas Frequências apresenta 40 atrações gratuitas até 5 de dezembro

Evento traz performances, instalações e shows, além de uma galeria virtual. Deize Tigrona, Maria Beraldo, Mbé e Iggor Cavalera são alguns nomes escalados

Por Kamille Viola Atualizado em 29 nov 2021, 14h04 - Publicado em 29 nov 2021, 14h03

O festival Novas Frequências ocupa diversos pontos da cidade com mais de 40 atrações gratuitas desta segunda (29) até domingo (5/12). Dedicado à música expandida e à arte sonora, em sua 11ª edição o evento passa por Oi Futuro, Biblioteca Parque Estadual, Arpoador, Ilha de Paquetá e Aterro do Flamengo, além de inaugurar uma galeria virtual.

+ Mais um palco de volta: Teatro Cesgranrio reabre com musical natalino

Entre os destaques, está o artista Mbé (Luan Correia), que, entre segunda (29) e quinta (2), realiza no Alalaô Kiosk, no Arpoador, a instalação Poesia de Criolo, com discursos históricos sobre a negritude. Já a obra em realidade virtual AFÃ, de Vitória Cribb e Yãdú (Nelson D e Iggor Cavalera), será exibida no sexto andar do Oi Futuro (Rua Dois de Dezembro, 63, Flamengo), de quarta a domingo.

+ Saudade de um Rivalzinho, né, minha filha? Ele está de volta

Na sexta (3), a funkeira Deize Tigrona é uma das atrações da Biblioteca Parque Estadual (Avenida Presidente Vargas, 1.261, Centro). A cantora faz um balanço dos seus 21 anos de carreira, tendo como marco o sucesso Injeção. No dia seguinte, o festival ocupa Paquetá, com um dia inteiro de atrações espalhadas pela ilha, entre performances, instalações e shows. Opavivará!, Gabriela Mureb, Antconstantino, Maria Beraldo, Vitória Cribb + Yãdú (Nelson D e Iggor Cavalera) são alguns dos nomes que aportam por lá.

Continua após a publicidade

+ De volta ao Rio: A-ha se apresenta no Quali Stage, na Barra, em março

O Novas Frequências termina no domingo, que começa com coletivos Bananobike, Circular Som Sistema e Mico Leão reunidos em um cortejo no Aterro do Flamengo. O encerramento fica a cargo do projeto Africanoise (do artista Renato Junior), contando com a amplificação dos sistemas das próprias bicicletas na antiga pista de danças e performances do Aterro, atual Arena Socioambiental.

+ Nordeste sinfônico: Elba Ramalho homenageia região ao lado da OSB

Além disso, a instalação sonora do MIHNA — Museu Imaginário de História Natural da Amazônia no Oi Futuro, que é parte do Novas Frequências, fica em cartaz até 16 de janeiro de 2022. E o festival inaugura nesta quarta (1) uma galeria virtual com 20 obras inspiradas no tema do festival este ano, Pra Onde agora?. A galeria e a programação completa do evento estão disponíveis no novasfrequencias.com.

+ Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Saiba tudo o que acontece na Cidade Maravilhosa. Assine a Veja Rio e continue lendo.

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas do Rio.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo da Veja Rio! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da Veja Rio, diariamente atualizado.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas do Rio.

Receba mensalmente a Veja Rio impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet

a partir de R$ 12,90/mês