Clique e assine por apenas 4,90/mês

Escultor Véio ganha primeira individual no Rio

Artista sergipano usa madeira como matéria-prima de suas obras

Por Renata Magalhães - Atualizado em 25 abr 2017, 17h41 - Publicado em 23 abr 2017, 17h00

Conhecido como Véio, o sergipano Cícero Alves dos Santos fez nome ao usar madeira para retratar sua visão sobre o sertão nordestino. Em sua primeira individual no Rio, De Surpresa no Mundo, foram reunidas esculturas talhadas com canivete em troncos, galhos e raízes. Aspectos da tradição popular são representados por meio de cores intensas e constroem uma espécie de fauna imaginária e enigmática, com seres como o da foto acima. Gustavo Rebello Arte. Avenida Atlântica, 1702, loja 8. Segunda a sexta, 12h às 20h. Grátis. Até 26 de maio. A partir de terça (25).

Publicidade