Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Novo edital do Oi Futuro privilegia projetos culturais ancorados na web

Inscrições podem ser feitas até o dia 2 de julho. Serão aceitos projetos de oito estados do Brasil e do Distrito Federal

Por Marcela Capobianco 28 Maio 2021, 12h33

A realidade imposta pela pandemia, com atividades culturais calcadas principalmente nas plataformas on-line, é o mote da 17ª edição do Programa Oi de Patrocínios Culturais Incentivados, lançado nesta quinta (27).

+ Cinco peças para assistir pela internet e tampouco pôr a mão no bolso

O edital, um dos mais tradicionais do país, contempla iniciativas culturais de alguns estados do Brasil (Bahia, Ceará, Goiás, Pará, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul) e o Distrito Federal e também seleciona projetos artísticos para compor a programação do Centro Cultural Oi Futuro.

+ Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

O programa destina recursos para financiamento total ou parcial de projetos artísticos como festivais, espetáculos, exposições, performances e outras manifestações criativas aprovados em leis estaduais e municipais de incentivo à cultura. Produtores culturais e criadores podem se inscrever por meio do site do Oi Futuro até o dia 2 de julho.

Continua após a publicidade

Este ano, a ideia é estimular projetos que proponham experiências híbridas, formatos inéditos de interação com o público e iniciativas que fomentem novas cenas artísticas e valorizem a diversidade. Não há um valor pré-determinado para a seleção.

+ Exposição exalta produção artística feminina

“Neste cenário pandêmico, em que a arte se mostra ainda mais fundamental para nossa sobrevivência e saúde mental, o Oi Futuro convida artistas e a criarem propostas que rompam as fronteiras físicas e potencializem a vida digital, sempre valorizando a inclusão e a diversidade”, diz Roberto Guimarães, gerente executivo de Cultura do Oi Futuro.

Desde 2003, o programa patrocinou cerca de 3000 projetos, com atuação em todos os estados com lei de incentivo à cultura operacional. O processo de seleção conta com uma comissão de avaliação independente, composta por especialistas de distintos campos do conhecimento e de origem regional diversa, além de profissionais do Oi Futuro e da Oi.

+ Telas abstratas e inéditas de Roberto Magalhães aportam na Gávea

O resultado será divulgado no site do Oi Futuro em data a ser definida.

Continua após a publicidade
Publicidade