Clique e assine por apenas 4,90/mês

Evento reúne música, exposição e moda na Zona Portuária

Projeto Dobradinhas e outros tais leva shows e DJs à Casa Porto durante quatro segundas

Por Redação VEJA RIO - Atualizado em 5 dez 2016, 12h27 - Publicado em 9 jan 2015, 16h44

 

A Casa Porto, na Zona Portuária, receberá nas segundas de janeiro encontros inéditos entre nomes da música contemporânea carioca. Em sua segunda temporada, o projeto Dobradinhas e outros tais reúne shows, DJs, exposições e marcas do cenário de moda independente. O projeto acontece em quatro noites, sempre às segundas, à partir das 19h, com as apresentações marcadas para começar pontualmente às 21h. Os ingressos custam R$10.

Na programação de shows, parcerias como Bruno di Lullo e Fernando Temporão, Flávio Renegado e Mariana Volker, Alvinho Lancellotti com Bel Baroni (vocalista do Mohandas) e Momo com Mãeana (projeto solo de Ana Lomelino, vocalista da banda Tono). A Casa Porto fica no Largo São Francisco da Prainha, 4 – Saúde (próximo à Pedra do Sal).

Programação de shows: 

12/01 – BRUNO DI LULLO (Rabotnik, Binário e Tono) + FERNANDO TEMPORÃO

19/01 – FLÁVIO RENEGADO + MARIANA VOLKER

26/01 – ALVINHO LANCELLOTTI + BEL BARONI (Mohandas)

2/02 – MOMO + MÃEANA (projeto solo de Ana Lomelino – vocalista Tono)

Continua após a publicidade
Publicidade