Clique e assine por apenas 4,90/mês

Destinos no Brasil para aproveitar as férias sem gastar muito

Em tempos de crise, preparamos uma seleção com destinos no país em que é possível curtir os dias de folga sem doer no bolso

Por Redação VEJA RIO - Atualizado em 2 jun 2017, 12h22 - Publicado em 11 nov 2015, 22h30

O fim do ano está chegando e todo mundo já começa a pensar no merecido recesso. Em tempos de crise e com o dólar nas alturas, fica difícil tirar do papel os planos de uma viagem para o exterior, mas há muito o que aproveitar por aqui. Com uma área de 8,5 milhões de quilômetros quadrados, sendo 7,4 mil quilômetros de litoral, o Brasil possui atrações para os mais variados tipos de viajantes.

Consultamos algumas empresas especializadas no assunto – os sites de viagens Skyscanner, Trivago e Hotel Urbano – para saber quais são os destinos em alta no país para você aproveitar as férias de verão sem doer no bolso. Confira nossa seleção:

Balneário Camboriú (SC)

Com 50 quilômetros quadrados, Balneário Camboriú é uma cidade pequena, porém vibrante, com bares com música ao vivo, restaurantes, boates e centros de compras. Entre as atrações, o Parque Unipraias é um complexo de lazer que une, por meio de 47 bondinhos, três dos mais belos pontos naturais do balneário: Barra Sul, Morro da Aguada e Praia de Laranjeiras.

A cidade conta ainda com uma espécie de “Cristo Redentor” – o Cristo Luz, um monumento com 33 metros de altura, de onde é possível ter uma vista panorâmica da Praia Central. Passeios de escuna e helicópteros também estão entre as opções de lazer para quem quer conhecer a cidade em todos os ângulos.

Bonito (MS)

Gruta da Lagoa Azul em Bonito
Gruta da Lagoa Azul em Bonito

Paraíso dos aventureiros, a cidade conta com belezas naturais de cair o queixo, que possibilitam atividades como rapel, mergulho, trilhas, circuitos de arvorismo, cavalgadas e passeios de bicicleta. Entre as principais atrações estão o Abismo Anhumas (um buraco de 72 metros de profundidade que termina em um imenso lago de águas cristalinas), a gruta da Lagoa Azul, as cachoeiras e os rios incrivelmente transparentes e repletos de peixes coloridos.

Maceió (AL)

Praia em Maceió, Alagoas
Praia em Maceió, Alagoas

Com 40 quilômetros de praias de águas transparentes, a cidade é repleta de cenários encantadores, como as praias de Jatiúca, Tabuba, do Gunga e de Pajuçara, de onde partem as jangadas que levam ao aquário natural mais visitado da cidade.

No bairro histórico do Jaraguá, antiga zona boêmia da cidade, os visitantes podem comtemplar construções do século XIX, além de antigos casarões e armazéns.

Maragogi (AL)

Maragogi

Maragogi

Situada no litoral norte de Alagoas, Maragogi está em uma Área de Proteção Ambiental (APA) e, por isso, tem preservadas suas muitas belezas naturais. Recifes de corais formam piscinas naturais de águas cristalinas, atrações sob medida para quem relaxar e curtir a natureza sem gastar muito.

Natal (RN)

Praia de Genipabu
Praia de Genipabu

Com um litoral de 400 quilômetros, emoldurado por dunas, recifes, falésias e piscinas naturais, a cidade tem entre suas praias mais badaladas a de Ponta Negra, com quiosques na orla e alguns dos melhores bares e restaurantes da capital. Entre as principais atrações, estão o passeio de buggy pelas dunas de Genipabu e o “esquibunda” e “aerobunda” nas lagoas de Jacumã e Pitangui.

Construído pelos portugueses no século XVI, o Forte dos Reis Magos tem formato semelhante ao de uma estrela e é um dos principais cartões-postais da cidade.

Olímpia (SP)

Olimpia
Olimpia

Inaugurado em 1987, o Thermas dos Laranjais é hoje o principal atrativo da cidade. Com mais de vinte piscinas térmicas, o parque tem diversão para toda a família, com piscinas de ondas e toboáguas. Restaurantes e uma área de descanso com redes garantem a pausa para o descanso.

Outro ponto alto de Olímpia é o folclore. Em um museu dedicado ao tema é possível conferir mais de três mil peças entre indumentárias diversas, artesanatos, pinturas, instrumentos e livros.

Porto de Galinhas (PE)

Praia de Porto Galinhas
Praia de Porto Galinhas

Localizado no município de Ipojuca, a 70 quilômetros de Recife, Porto de Galinhas tem praias e piscinas naturais com águas mornas e cristalinas. Para os surfistas, também há atrativos: a praia de Maracaípe é conhecida por receber campeonatos da modalidade. Já na praia de Muro Alto é possível praticar esqui aquático, wakeboard e jet-ski. Passeios de buggy, jangada ou a cavalo também estão entre as atrações do local.

A região tem vida noturna agitada durante o verão, com bares e nas boates itinerantes, abertas durante a alta temporada.

Porto Seguro (BA)


Porto Seguro
Porto Seguro

Com os títulos de Patrimônio Histórico Nacional e Patrimônio Natural da Humanidade, Porto Seguro reúne riquezas culturais, arquitetônicas e naturais. Entre as principais praias estão a tranquila Curuípe e a agitada Mundaí, ambas com boa estrutura. No Parque Nacional de Monte Pascoal, é possível fazer caminhadas para a observação de centenas de espécies de animais e vegetais.

Com comércio variado, a Passarela do Descobrimento reúne lojas, restaurantes e bares badalados, ideias para os jovens que vão à cidade em busca de festa e agito.

Praia Grande (SP)

Um dos destinos mais concorridos da Baixada Santista, a cidade conta com 22 quilômetros de litoral, dividido em oito praias, com ciclovia em toda sua extensão. A Praia do Boqueirão é a mais movimentada, mas o Portinho, localizado na margem do Mar Pequeno, também oferece atrações, com quiosques e churrasqueiras, além de um píer de onde partem passeios de barco.

Em um passeio pela Fortaleza de Itaipu – que concentra os fortes Duque de Caxias, Jurubatuba e Rego Barros – é possível conhecer mais da história da região.

Ubatuba (SP)

Ubatuba
Ubatuba

Com 100 quilômetros de costa e 102 praias, a cidade atrai famílias e surfistas. Entre as praias mais badaladas estão Itamambuca, Caraguatatuba e Toninhas, mas também há espaços de calmaria, como as praias de Picinguaba, Camburi e Félix. Já no Centro há uma boa variedade de restaurantes e pousadas. 

Publicidade