Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Confira as dicas de quais filmes assistir no Festival do Rio

Com uma variada programação espalhada pela cidade até o próximo 14 de outubro, fique de olho em quais títulos valem o ingresso

Por Pedro Tinoco Atualizado em 5 dez 2016, 11h47 - Publicado em 5 out 2015, 18h14

Com 250 filmes de cerca de sessenta países, a 17ª edição do festival oferece, até o dia 14, petiscos para todos os gostos cinéfilos. Na semana mais movimentada da programação, seguem algumas sugestões que, além de demonstrar a variedade do cardápio, valem mesmo o ingresso. Argentina (2015) é a nova incursão do diretor espanhol Carlos Saura pelo universo da música e da dança. Documentário, como seus anteriores Fados (2007) e Flamenco, Flamenco (2010), o filme mergulha no folclore argentino e vai muito além do tango, através de personagens históricos como Atahualpa Yupanqui. Estão marcadas sessões na terça (6), às 16h15 e às 21h15, no Kinoplex São Luiz 1, e no sábado (10), às 14h30, no Cinépolis Lagoon 2. 10 Anos, Divorciada inspira-se na história real de Nujood Ali — que em 2008 se tornou a mais jovem divorciada do planeta. A diretora Khadija Al-Salami filmou no Iêmen, terra natal de ambas, de forma clandestina, o drama sobre uma menina (Reham Mohammed) obrigada pela família a se casar aos 10 anos. Inconformada com os maus-tratos sofridos, a personagem foge e, de maneira inédita na cultura local, procura o divórcio na Justiça. O longa será exibido na quinta (8), às 13h45 e às 18h45, no Kinoplex São Luiz 2. Pouco depois de bater as botas na comédia Linda de Morrer, Gloria Pires volta à tela com uma personagem séria e real. 

+ Festival do Rio tem 26 sessões gratuitas em vários pontos da cidade

+ Darcy Ribeiro recebe mostra gratuita de cinema polonês

+ Confira a programação completa do Festival do Rio

A atriz protagoniza Nise — O Coração da Loucura. O drama de Roberto Berliner sobre a psiquiatra Nise da Silveira (1905-1999) e sua batalha contra formas agressivas de tratamento de transtornos mentais ganha as telas na terça (6), às 22h30, nas salas Cinépolis Lagoon 1, 2, 3 e 4, na quarta (7), às 16h, no Odeon, e na quinta (8), às 16h30 e às 21h30, no Kinoplex São Luiz 1. Micróbio & Gasolina é uma comédia de Michel Gondry (vencedor do Oscar de melhor roteiro por Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças). Na trama, em cartaz na segunda (5), às 20h, na Maison de France, e na quinta (8), às 17h, no Estação Net Ipanema 1, os donos dos apelidos do título (os atores Ange Dargent e Théophile Baquet) são jovens um tanto desajustados que decidem cair na estrada em um veículo construído por eles. Mais uma dica: a produção chilena Os 33, dirigida por Patricia Riggen, recorre a estrelas como Antonio Banderas, Juliette Binoche, Gabriel Byrne e Rodrigo Santoro para recuperar uma trágica história real: o acidente que, em 2010, manteve 33 homens presos em uma mina de ouro e cobre por 69 dias. O filme passa no Odeon, no sábado (10), às 21h30, e volta ao circuito do festival nos dias 12 e 13.

Continua após a publicidade
Publicidade