Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Comitê Rio 2016 faz recall de medalhas olímpicas e paralímpicas descascadas

Daniel Dias, consagrado como o maior nadador paralímpico e laureado com nove medalhas, tem alguns exemplares que apresentam o problema

Por Redação VEJA RIO Atualizado em 5 dez 2016, 11h03 - Publicado em 26 set 2016, 18h38

Símbolo máximo das vitórias conquistadas pelos atletas no maior evento do esporte mundial, algumas medalhas olímpicas e paraolímpicas estão descascando. Como solução, o Comitê Rio 2016 fará um recall para as medalhas de ouro, prata e bronze que apresentam falhas na pintura.

+ Stand-up paddle pode reduzir a dependência de medicamentos

Algumas das nove medalhas conquistas pelo brasileiro Daniel Dias, consagrado como o maior nadador paraolímpico, estão entre as que precisarão ser atendidas pelo recall. De acordo com o jornal O Globo, os comitês olímpicos e paralímpicos irão enviá-las para a Casa da Moeda, responsável pela troca. 

+ Parque da Serra dos Órgãos recebe certificado de excelência do TripAdvisor

 

Continua após a publicidade
Publicidade