Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Cinco atrações para ficar de olho no Novas Frequências

De sábado (3) ao dia 8, a sexta edição do festival, que busca nomes da música experimental, leva shows, performances e festas a cinco espaços da cidade

Por Carol Zappa Atualizado em 2 jun 2017, 11h53 - Publicado em 26 nov 2016, 00h00

O festival de música experimental espalha 44 atrações de treze países por cinco endereços, a partir de sábado (3), dia de dezesseis horas de ocupação no Galpão Gamboa. A programação, organizada por Chico Dub e Tathiana Lopes, vai até o dia 8. Veja os destaques abaixo e a agenda completa em http://www.novasfrequencias.com.

Rob Mazurek: na instalação Psychotropic Electric Eel Dreams, o cornetista, compositor e artista multimídia americano reproduz o som do choque das enguias-elétricas do Rio Negro do Amazonas, representado por tubos de LED fluorescentes. Galpão Gamboa. Rua da Gamboa, 279. Sábado (3), 16h. Grátis.

Thiago Miazzo: o músico experimental vai sonorizar ao vivo a trilha do game Destruction Derby, enquanto a plateia joga simultaneamente. Galpão Gamboa. Sábado (3), 17h. Grátis.

Vincent Moon + Rabih Neani + Priscilla Telmon: Cosmogonia é uma performance audiovisual dos cineastas franceses Moon e Telmon, que documentam rituais sagrados, com trilha sonora eletrônica ao vivo do DJ libanês Neani. Leão Etíope do Méier. Praça Agripino Grieco, s/nº, Méier. Domingo (4), 18h. Grátis.


Xiu Xiu
Xiu Xiu

Xiu Xiu: com inspiração nos mais variados gêneros musicais, do pós-punk ao house, passando pela música clássica do século XX e por estilos de percussão asiáticos, a banda de art rock californiana é liderada por Jamie Stewart. Galpão Gamboa. Sábado (3), 20h. R$ 20,00 (antecipado) e R$ 30,00 (na hora).

Festa: o line-up traz nomes que estão remodelando a música eletrônica de pista. Os mexicanos Fausto Bahía e Mexican Jihad, do coletivo Naafi, que mistura reggaeton e funk carioca a batidas tribais pré-colombianas, dividem a noite com a sueca Toxe (foto) e o alemão Mechatok, do selo Staycore, que interpretam gêneros como dancehall e kuduro. Galpão Gamboa. Sábado (3), 23h. R$ 30,00 (antecipado) e R$ 40,00 (na hora).

Continua após a publicidade
Publicidade