Clique e assine por apenas 4,90/mês

Cantoras abordam questões de gênero em festival no CCBB

Projeto 'Feminino' reúne Elza Soares, Pitty, Xenia França e As Bahias em dois dias

Por Carol Zappa - 9 mar 2018, 16h21
As Bahias: encontro com Xenia França na segunda noite Gui Paganini/Divulgação

Uma, negra, 80 anos, enfrentou fome, pobreza, violência doméstica e outras mazelas, até que despontou no samba e ultrapassou fronteiras musicais. A outra, baiana, tem a metade da idade da primeira e firmou-se no rock. Elza Soares e Pitty, que gravaram no ano passado em dueto a canção Na Pele, encontram-se na abertura do projeto Feminino, que reúne artistas de diferentes gerações e experiências cantando e discutindo gênero e potência, no sábado (17). No dia seguinte, a também baiana Xenia França, do grupo Aláfia, representante do feminismo negro, divide o palco com o duo As Bahias (foto), formado pelas vocalistas trans Assucena Assucena e Raquel Virgínia. A primeira mistura tambores e batidas eletrônicas em seu primeiro disco-solo, Xenia, enquanto a dupla investe no pop performático de Bixa. CCBB. Rua Primeiro de Março, 66, Centro. Sábado (17), a partir das 22h30; domingo (18), a partir das 15h. R$ 20,00.

Publicidade