Clique e assine por apenas 4,90/mês

Ator e performer Welket Bungué resgata origens em novo trabalho

Natural de Guiné-Bissau, artista cresceu em Portugal e vive hoje no Brasil

Por Redação VEJA RIO - 17 abr 2017, 18h01

O ator, performer e roteirista Welket Bungué estreia nesta terça-feira (18) seu espetáculo “Tchon Di Balanta – afro-performance”. A apresentação faz com que o artista volte às suas origens africanas, apesar de ter vivido apenas os três primeiros anos de vida em Guiné-Bissau. Com o apoio do Goethe-Institut Rio de Janeiro, a performance reúne dança, movimento e musicalidade, que se inscrevem sob o desejo de um indivíduo desbravar o que lhe resta da sua herança cultural de origem africana.

A atração terá sessões gratuitas nesta terça (18) e quarta-feira (19), às 15h, na Casa Rio, em Botafogo. Já no sábado (22), às 19h, no Espaço Mova, na Glória, o ingresso tem preços entre 10, 15 e 20 reais.

Publicidade