Xuxa perde para o Google: site não irá remover buscas sobre filme erótico

A apresentadora travava batalha judicial com o gigante americano desde 2010

Desde 2010 em disputa judicial contra o Google, Xuxa teve novo recurso negado, nesta segunda (9), na ação em que ela solicita ao gigante americano a remoção das buscas sobre o filme erótico Amor, Estranho Amor (1982). Na época com 19 anos de idade, a Rainha dos Baixinhos interpretou uma garota de programa que seduzia um menino de 12 anos na trama. A apresentadora queria que o buscador on-line removesse milhares de links e imagens que aparecem para quem digitar as palavras “Xuxa”, “pedófila” e derivados como “Xuxa pedófila”. O processo foi julgado em segunda instância e a apresentadora não poderá mais recorrer.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s