Mateus Solano e Miguel Thiré fazem únicas apresentações de “Selfie” no Rio

Peça sobre dependência tecnológica e musical sobre banda Mamonas Assassinas em sessões apenas neste fim de semana

 

 (CARLOS COSTA//Divulgação)

› O Musical Mamonas Do sucesso retumbante ao trágico final, a história da banda Mamonas Assassinas, que vendeu 3 milhões de cópias de seu primeiro e único disco, é resgatada no espetáculo dirigido por José Possi Neto. O texto de Walter Daguerre é costurado por sucessos como Vira-Vira, Robocop Gay e Pelados em Santos (150min). 10 anos. Teatro Riachuelo Rio. Rua do Passeio, 40, Cinelândia. Sexta (8) e sábado (9), 20h; domingo (10), 18h. R$ 20,00 a R$ 35,00.

 (Vitor Zorzal/Divulgação)

› Selfie A dependência tecnológica na sociedade moderna orienta a trama da comédia estrelada por Mateus Solano e Miguel Thiré (foto). O primeiro dá vida a um incurável adicto e o outro, em desempenho impagável, desdobra-se por onze personagens que cruzam a vida do protagonista. Sob a precisa direção de Marcos Caruso, a dupla faz bonito ao se apoiar em um teatro físico repleto de mímica e sonoplastia. Daniela Ocampo assina o texto (70min). 14 anos. Cidade das Artes. Avenida das Américas, 5300, Barra. Sábado (9), 21h; domingo (10), 18h. R$ 25,00 a R$ 60,00.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s