Kiss Me, Kate lidera indicações ao Cesgranrio

Musical de Charles Möeller e Claudio Botelho concorre em sete categorias no segundo semestre. <em>Caranguejo Overdrive</em> e<em> A Santa Joana dos Matadouros</em> têm quatro, cada

Com sete menções, Kiss Me, Kate – O Beijo da Megera, montagem do clássico musical de Cole Porter pela dupla Charles Möeller e Claudio Botelho, encabeça a lista de indicados do segundo semestre à terceira edição do Prêmio Cesgranrio. Caranguejo Overdrive e A Santa Joana dos Matadouros também se destacaram, com quatro indicações cada. A escolha final dos vencedores, bem como a entrega do prêmio, será no dia 18 de janeiro, no Copacabana Palace. Trata-se do prêmio de maior valor no país: R$ 25 mil para os vencedores de cada uma das doze categorias, totalizando R$ 300 mil.

Confira a lista completa dos indicados abaixo:

Melhor direção

– Marco André Nunes, por Caranguejo Overdrive

– Marina Vianna e Diogo Liberano, por A Santa Joana dos Matadouros

– Charles Möeller, por Kiss Me, Kate – O Beijo da Megera

Melhor ator

– Bruce Gomlevsky, por Uma Ilíada

– Matheus Macena, por Caranguejo Overdrive

– Renato Carrera, por O Homossexual ou A Dificuldade de se Expressar

Melhor atriz

– Ana Paula Secco, por O Pena Carioca

– Letícia Isnard, por Marco Zero

Melhor cenografia

– Paulo de Moraes e Carla Berri, por Inútil a Chuva

– Bia Junqueira, por A Santa Joana dos Matadouros

– Bia Junqueira, por Santa

Melhor Iluminação

– Maneco Quinderé, por Inútil a Chuva

– Paulo César Medeiros, por A Santa Joana dos Matadouros

– Renato Machado, por O Homossexual ou A Dificuldade de se Expressar

Melhor figurino

– Carol Lobato, por Kiss Me, Kate – O Beijo da Megera

– Antonio Guedes, por O Homossexual ou A Dificuldade de se Expressar

– Antonio Guedes, por O Pena Carioca

Melhor texto nacional inédito

– Pedro Kosovski, por Caranguejo Overdrive

– João Cícero Bezerra, por Sexo Neutro

– Diogo Liberano, por O Narrador

Categoria especial

– Bia Radunsky, pela curadoria do Espaço Sesc

– Claudio Botelho, pela versão brasileira de Kiss Me, Kate – O Beijo da Megera

– Claudio Lins, pela adaptação da obra de Nelson Rodrigues para o teatro musical

Melhor direção musical

– Nando Duarte, por SamBRA, o Musical – 100 Anos de Samba

– Marcelo Castro, por Kiss Me, Kate – O Beijo da Megera

– Marcelo Alonso Neves, por Amargo Fruto – A Vida de Billie Holiday

Melhor ator em musical

– José Mayer, por Kiss Me, Kate – O Beijo da Megera

– Thelmo Fernandes, por O Beijo no Asfalto – O Musical

Melhor atriz em musical

– Alessandra Verney, por Kiss Me, Kate – O Beijo da Megera

– Laila Garin, por O Beijo no Asfalto – O Musical

Melhor espetáculo

– Kiss Me, Kate – O Beijo da Megera

– Caranguejo Overdrive

– A Santa Joana dos Matadouros

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s