Iole de Freitas desdobra mostra realizada no MAM há mais de dez anos

"Papel de Aço" é composta por várias esculturas brancas

Em 2005, Iole de Freitas apresentou uma série de grandiosas esculturas de aço inox que dialogavam com a arquitetura do espaço onde foram exibidas: a amplidão do Museu de Arte Moderna. Agora, a artista plástica mineira assina um desdobramento daquele trabalho, em menor escala, presente em Papel de Aço. Na individual, que será aberta na quinta (9), na Silvia Cintra + Box 4, nove esculturas brancas (uma delas na foto), apoiadas sobre madeira compensada, ocupam o espaço da galeria. Um vídeo do processo criativo que levou à concepção das peças completa o programa. Silvia Cintra + Box 4. Rua das Acácias, 104, Gávea. Segunda a sexta, 10h às 19h; sábado, 12h às 18h. Grátis. Até 15 de setembro. Abertura na quinta (9).

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s