Ícone do jazz fusion, Spyro Gyra faz seis shows no Blue Note

O grupo americano fundado nos anos 70 mostra sua mistura do gênero com R&B, pop e música latina de quinta (2) a sábado (4)

Spyro Gyra: jazz infusionado

Spyro Gyra: jazz infusionado (Brian Friedman/Divulgação)

Na onda do jazz fusion, inaugurado por Miles Davis em 1970 com o álbum Bitches Brew, o Spyro Gyra, criado quatro anos depois em Nova York, sofreu críticas dos puristas pela mistura de R&B, pop, música caribenha, o que viesse. Com mais de 10 milhões de cópias vendidas de seus 31 álbuns e sete indicações ao Grammy, o conjunto liderado pelo saxofonista Jay Beckenstein, um de seus fundadores, faz seis sessões em três noites na Lagoa. Completam o grupo Tom Schuman (piano), Scott Ambush (baixo), Julio Fernandez (guitarra) e Lionel Cordew (bateria). Blue Note Rio. Avenida Borges de Medeiros, 1424, Lagoa. Quinta (2), 20h e 22h30; sexta (3) e sábado (4), 21h e 23h30. R$ 90,00 (bar) a R$ 450,00 (lounge premium).

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s