Frans Krajcberg ganha primeira exposição após sua morte

Mostra na galeria Marcia Barrozo do Amaral traz produções antigas e recentes

 (Diogo Galdeano/Divulgação)

Nascido na comuna de Kozienice, Frans Krajcberg não gostava quando se referiam a ele como polonês naturalizado. Foi no Brasil que, desde 1957, montou residência e, segundo ele, essa era sua nacionalidade. Morto no fim do ano passado, aos 96 anos, Krajcberg ganha a primeira mostra póstuma, na galeria Marcia Barrozo do Amaral. Serão expostas quinze obras inéditas, produzidas em diferentes fases de sua carreira. Entre as atrações figuram raridades como uma espécie de livro-arte de madeira, que guarda duas gravuras, além de trabalhos de relevo de papel e madeira (foto) e duas esculturas da série Sombra. Marcia Barrozo do Amaral — Galeria de Arte. Avenida Atlântica, 4240, Copacabana. Segunda a sexta, 10h às 18h. Grátis. Até 6 de abril.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s