Dois projetos da cantora paulista Juçara Marçal no Rio

Na sexta (18), ela se apresenta com o Metá Metá no Circo Voador e, na terça (15), integra o Sambas do Absurdo no festival A.Nota

› Metá Metá. Ao lado de Kiko Dinucci (guitarra) e Thiago França (sax), Juçara Marçal é a notável voz do trio paulistano. Ao vivo, a sonoridade rebuscada vai do samba ao jazz, com elementos da tradição africana, em músicas como Obá Iná e Mano Légua. Antes, o trio feminino Rakta, que vem de longa turnê internacional, estreia por aqui. Circo Voador. Arcos da Lapa, s/nº, Lapa. Sexta (18), 22h. R$ 80,00 (1º lote).

› Sambas do Absurdo. No festival A.Nota, a cantora divide novo projeto com outros dois nomes da fértil cena independente paulistana: Rodrigo Campos (violão e cavaquinho) e Gui Amabis (arranjos). No roteiro, sambas eletrificados, inspirados por O Mito de Sísifo, de Albert Camus, com letras do artista plástico Nuno Ramos. O resultado é instigante. Teatro Ipanema. Rua Prudente de Morais, 824, Ipanema. Terça (15), 20h30. R$ 30,00.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s