Crítica: “Sucesso” arranca gargalhadas culpadas (e intermináveis)

Peça escrita e dirigida por Leandro Muniz é ótima pedida no Teatro Sesi

 Roteirista de programas de TV como Amor e Sexo, da Rede Globo, e Lady Night, talk show fenômeno estrelado por Tatá Werneck, Leandro Muniz desponta na nova geração de autores de humor. No palco não é diferente, como comprova Sucesso, espetáculo com texto e direção assinados por ele. No formato de um engenhoso quebra-cabeça, a trama acompanha a jornada tragicômica de um homem fracassado chamado Ordinário (Anderson Cunha, na foto). Desilusões amorosas, ruínas familiares e fiascos profissionais são tratados com ironia e humor negro, levando a plateia a culpadas (e intermináveis) gargalhadas. Pedroca Monteiro, ótimo, também se destaca na pele de um homem afortunado com quem o destino do protagonista teima em cruzar. Sob a direção musical de Fabiano Krieger, os atores soltam a voz e reproduzem sons de instrumentos diversos (70min). 14 anos. Teatro Sesi Centro. Avenida Graça Aranha, 1, Centro. Segunda e terça, 19h30. R$ 20,00. Até o dia 31.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s