Confira 40 atrações gratuitas para curtir o fim de semana

Um guia com programas para se divertir sem gastar dinheiro, com espetáculos, exposições, eventos e outras atrações

Beer, Food, Music and Mall

Entre sexta (2) e domingo (4), o Fashion Mall, em São Conrado, recebe o festival Beer, Food, Music and Mall. Ao todo serão quinze marcas e food bikes, com cervejas artesanais representadas por Blind Beer, Hop Lab, Bike Beer, Biertiquim, Cerva Rock e Mohave. Para comer, haverá comidinhas de marcas como Tapi Oca, Pop up Peru Ceviche e bolo doamor (assim mesmo, escrito junto). Apresentação de música ao vivo completa a programação. Sexta (2) das 18h às 22, sábado (3) das 12h às 22 e domingo (4) das 12h às 21h.

Park Chopp Gourmet


Larica BurguerLarica Burguer

 (/)

Em clima de fim de ano, o Park Chopp Gourmet faz, neste sábado (3), sua quinta e última edição de 2016. Como acontece desde a estreia, a feira de gastronomia vai ocupar o estacionamento da loja-conceito da Brahma Express, em Botafogo. Das 12h às 22h,food trucks e bikes de comidinhas e doces vão oferecer um cardápio variado ao visitante, como os sanduíches de porchetta (R$ 20,00) do Espírito de Porco e de frango com maionese de abacate, farofa de bacon, tomate, alface e queijo (R$ 25,00), do Larica Gourmet. Crepes da Le Frenchie Crepes e sobremesas do Ladeira Doces também estão no menu. Para beber, o chope claro da Brahma (R$ 7,00) divide espaço com o da marca Colorado (R$ 8,00) e cervejas Budweiser, Stella, Brahma e Brahma Extra (R$ 6,00 cada uma). Completam o programa a música do DJ Fill Melo e atividades para as crianças. Rua Álvaro Ramos, 105, Botafogo. Sábado (3), das 12h às 22h.

Sunset Wöllner

Reduto de praticantes de kite e surf, o quiosque K08, no Posto 2, terá uma programação especial de verão promovida pela Wöllner. A agenda começa com show de Bruno Ferro no sábado (3), às 16h, e segue até fevereiro com sorteios, rodadas de cerveja Corona, fotos para os convidados e atrações musicais quinzenais. Sunset Wöllner – Quiosque K08.

Biizu Bazar

Dezembro chegou e com ele as edições de Natal da Biizu. O shopping do Méier (Rua Dias da Cruz, 255) receberá a 12ª edição da Biizu Bazar neste sábado (3), a partir das 9h, com muitas opções de presentes de Natal e amigo oculto. A feira contará com 40 expositores. Um stand do SOS Rejeitados receberá doações para ajudar nos cuidados de animais abandonados.

Encontro Detetives do Prédio Azul


Detetives do Prédio AzulDetetives do Prédio Azul

 (/)

Neste domingo (4), os fãs do programa “D.P.A. – Detetives do Prédio Azul”, sucesso entre o público infantil, poderão encontrar os atores que interpretam os personagens Pippo, Sol e Bento. O encontro dura 40 minutos e será realizado no Américas Shopping, no Recreio dos Bandeirantes, das 14h às 20h. A participação será por ordem de chegada e o evento é sujeito à lotação. As famílias podem, ainda, brincar e tirar fotos nos espaços inspirados nos principais personagens do canal, como “ALVINNN!!! e Os Esquilos”, “Tem Criança na Cozinha”, “Miraculous – As Aventuras de Ladybug” e “Detetives do Prédio Azul”. Entre os dias 5 de dezembro a 6 de janeiro, o shopping promove o Natal Gloob, com oficinas e atividades para crianças de 4 a 12 anos.

Rio Academia


Rio AcademiaRio Academia

 (/)

O projeto Rio Academia, iniciativa que acontece nas areias de Ipanema e tem o patrocínio do Santander Brasil, disponibiliza uma academia completa com diversas aulas totalmente grátis para clientes e não clientes. Os clientes têm acesso a aulas exclusivas diariamente, apresentando o cartão do Banco. A Academia funcionará até o dia 10 de fevereiro de 2017, das 6h30 às 15h30 e das 17h às 21h durante a semana e, nos finais de semana e feriados, das 8h às 13h. Neste período, as professoras Renata Mozzini e Marcela Amaral serão responsáveis, respectivamente, pelas aulas de yoga e cross fit.

Rob Mazurek

Na instalação Psychotropic Electric Eel Dreams, o cornetista, compositor e artista multimídia americano reproduz o som do choque das enguias-elétricas do Rio Negro do Amazonas, representado por tubos de LED fluorescentes. Galpão Gamboa. Rua da Gamboa, 279. Sábado (3), 16h.

Natal do Downtown

Depois do sucesso da apresentação no dia da inauguração da árvore, o coral das Princesas de Petrópolis sobem ao palco novamente para levar um pouco do espírito natalino, nos dias 3 e 17 de dezembro, às 19h. Sob regência do maestro Rodrigo d’Avila, o concerto é formado por 30 coralistas. O repertório conta com famosas músicas natalinas, como Noite Feliz, Jingle Bells, Canta um Anjo, Boas Festas e Bate o Sino. Além disso, música popular e erudita também farão parte da apresentação.

Thiago Miazzo

O músico experimental vai sonorizar ao vivo a trilha do game Destruction Derby, enquanto a plateia joga simultaneamente. Galpão Gamboa. Sábado (3), 17h.

Vincent Moon + Rabih Neani + Priscilla Telmon

Cosmogonia é uma performance audiovisual dos cineastas franceses Moon e Telmon, que documentam rituais sagrados, com trilha sonora eletrônica ao vivo do DJ libanês Neani. Leão Etíope do Méier. Praça Agripino Grieco, s/nº, Méier. Domingo (4), 18h.

VIP Fashion Bazar


MoskaMoska

 (/)

No sábado (03), a partir do meio-dia, o Alphaville Barra da Tijuca (Rua Paulo Moura 385) vai receber o VIP Fashion Bazar. O evento gratuito vai reunir feiras e bazares que foram destaque em 2016. Entre as atrações da edição estão uma feira de decoração, a feira de moda Retoke, atrações infantis e feirão orgânico, além diversos food trucks. Tudo isso ao som do músico Paulinho Moska, a partir das 18h.

Amor Confesso

Textos do cronista e dramaturgo Arthur Azevedo (1855-1908), um dos pioneiros da comédia de costumes, servem de base para a montagem encenada por Claudia Ventura e Alexandre Dantas, os dois também autores. A dupla encarna mais de trinta personagens, abordando encontros e desencontros do amor. Direção de Inez Viana. De 03 de dezembro a 11 de dezembro. Espaço Cultural Eletrobras Furnas. Rua Real Grandeza, 219 – Botafogo – Rio de Janeiro. Sábado, 20h; domingo, 19h.

Depois do Filme

Encenador de Céus e A Paz Perpétua, duas das cinco melhores peças em cartaz, segundo o ranking VEJA RIO, Aderbal Freire-Filho sobe ao palco como ator, trazendo de volta ao circuito Depois do Filme. O monólogo, também assinado por ele, marcou a abertura do Teatro Poeirinha em 2011 e agora ganha curta temporada no Teatro Glauce Rocha. A trama gira em torno de Ulisses, personagem vivido por Aderbal no filme Juventude, de Domingos de Oliveira. Até 04 de dezembro. Teatro Glauce Rocha. Avenida Rio Branco, 179 – Centro. Quinta a domingo, 19h. Senhas a partir das 15h.

2ª Bienal Internacional da Caricatura

A mostra é uma homenagem aos 100 anos do 1º Salão dos Humoristas de 1916, o primeiro Salão de Humor brasileiro que agrupou – fato nunca acontecido antes – todos os grandes artistas da nossa caricatura, marcando época no início do século XX. Além da exposição Centenário do 1º Salão dos Humoristas de 1916, a Bienal apresenta outras duas mostras no CCJF: O Kaiser – 100 Anos, comemorativa dos 100 anos da animação pioneira O Kaiser, desenho animado realizado pelo caricaturista brasileiro Seth (Álvaro Marins), precursor do nosso desenho animado; e a exposição Jorge de Salles – Um Carioca no Mundo do Humor, sobre o desenhista de humor e produtor cultural Jorge de Salles, que dedicou sua vida ao resgate da história e à realização de exposições de caricaturistas brasileiros. Curadoria de Luciano Magno. Até 15 de janeiro. Centro Cultural Justiça Federal. Avenida Rio Branco, 241 – Centro. Terça a domingo, 12h às 19h.

Graffismo

A Jeffrey conta com exposição de Kajaman batizada de Graffismo – conceito que surge da fusão entre o Graffiti e o dadaísmo. Um dos líderes do movimento dadaísta, Tristan Tzara inspira a maneira como o artista atua no seu universo artístico, sendo um dos raros grafiteiros sem blackbook ou sketch. A nostra faz parte do Tubira Summer que a cervejaria está promovendo aos sábados em parceria com o Da Roberta e Steak Me e conta com uma agenda diferente a cada semana, sempre com um DJ ou banda convidado. Rua Tubira. Sábado, 15h às 21h. Grátis. Até 17 de dezembro.

Luiz Áquila


Luiz ÁquilaLuiz Áquila

 (/)

Com curadoria de Luiza Interlenghi, o artista apresenta oito pinturas inéditas e uma série preciosa de antigos desenhos datados de 1979. Galeria Patricia Costa. Segunda a sexta, 11h às 19h; sábado, 12h às 18h. Grátis.

Marcela Gontijo

Inspirada por Hong Kong, onde viveu por quatro anos, e pelo acelerado ritmo das metrópoles, a artista exibe pinturas e colagens de grandes dimensões. Galeria Movimento. Segunda a sexta, 10h às 19h30; sábado, 12h às 18h. Grátis.

Maria Fernanda Lucena

Entre telas e objetos, 21 obras mostram o resultado da pesquisa da artista sobre questões da memória e da passagem do tempo. C. Galeria. Terça a sexta, 11h às 19h. Grátis.

Marcos Duprat


Interior - Marcos DupratInterior – Marcos Duprat

 (/)

Sessenta criações sobre papel e tela proporcionam um panorama de quatro décadas da carreira do artista carioca. Biblioteca Nacional. Terça a sexta, 10h às 17h; sábado, 10h30 às 14h. Grátis.

Rosângela Rennó

Conceitos de memória e temporalidade são traduzidos em seis obras de diferentes técnicas e materiais que brincam com os sentidos dos visitantes. Oi Futuro Flamengo. Terça a domingo, 11h às 20h. Grátis.

Arte em versos

Na programação do Oi Futuro Ipanema, versos saltam do papel e invadem a galeria. O projeto Poesia Visual, concebido com a curadoria de Alberto Saraiva, traz obras dos artistas multimídias Jorge Salomão e Marcio-André. O baiano Salomão, também conhecido como inspirado letrista da MPB, celebra 70 anos e faz uma retrospectiva de seus trabalhos (foto) na exposição No Meio de Tudo Isso. Seu colega no endereço reúne, na mostra bug: god, poemas visuais exibidos em loop, produção audiovisual e videoperformances. Oi Futuro Ipanema. Terça a domingo, 13h às 21h. Grátis.

Ao ar livre

Reformada para a Rio 2016 — e, por isso, com acesso limitado durante os Jogos —, a Marina da Glória reabre ao público, a partir deste sábado, 19, com uma mostra de esculturas ao ar livre. Monumental — Arte na Marina da Glória leva ao espaço no Aterro criações contemporâneas de dezenove artistas de todo o Brasil. Entre os nomes confirmados estão Artur Lescher, Frida Baranek e Antonio Bokel, autor de Babel (foto). Marina da Glória. Segunda a domingo, 24 horas. Grátis.

Uma Canção para o Rio


Uma Canção para o RioUma Canção para o Rio

 (/)

A mostra coletiva inaugura a galeria Carpintaria, do grupo Fortes D’Aloia & Gabriel (antigo Fortes Vilaça) e traz obras de mais de vinte criadores, a exemplo de Nuno Ramos, Jac Leirner, Ernesto Neto e Cabelo. Curadoria de Douglas Fogle e Hanneke Skerath. Até 11 de fevereiro. Galeria Carpintaria. Rua Jardim Botânico, 971 /Jockey Club Brasileiro – Jardim Botânico – Rio de Janeiro – RJ – Tel.: (21) 3875-5554. Terça a sexta, 10h às 19h; sábado, 10h às 18h.

Favelagrafia

Resultado do projeto de mesmo nome, criado pela NBS Rio+Rio, a exposição tem como objetivo trazer um novo olhar sobre as favelas, através de seus moradores. Nove fotógrafos, de nove favelas diferentes, estão fotografando suas comunidades desde julho usando apenas um iPhone. Nas mais de 180 fotos que compõem a mostra, o Morro do Borel, Santa Marta, Morro da Mineira, Complexo do Alemão, Providência, Cantagalo, Babilônia, Rocinha e Morro dos Prazeres são eternizados em diferentes momentos, contando as histórias de seus moradores, suas belezas e paisagens. Até 04 de dezembro. Museu de Arte Moderna (MAM). Avenida Infante Dom Henrique, 85 – Aterro do Flamengo – Rio de Janeiro – RJ – Tel.: (21) 3883-5600. Terça a sexta, 12h às 18h; sábado e domingo, 12h às 19h. Grátis.

Vitoria Frate

Em sua primeira exposição, batizada de Vitoria Frate em 14 capítulos, a artista plástica carioca traz a série Novas Multidões, na qual apresenta a vida nas metrópoles brasileiras. Com traços bastante peculiares, a autora explora a paleta de cores e um característico personagem presente nas catorze criações. Até 20 de novembro. Galeria Dom Quixote. Avenida Ayrton Senna, 2150 (Casa Shopping) – Barra Da Tijuca – Rio de Janeiro – RJ. Segunda a sábado, 10h às 22h; domingo, 15h às 21h.

Sankofa: Memória da Escravidão na África

Bisneto de uma beneficiária da Lei do Ventre Livre, o fotógrafo Cesar Fraga percorreu países africanos para investigar suas origens. Caixa Cultural. Terça a domingo, 10h às 21h.

Berlin <> Rio: Trajetos e Memórias

Vencedor do Prêmio Marc Ferrez de Fotografia no ano passado, Andreas Valentin recuperou registros e documentos de sua família na Alemanha. O resultado é a exposição Berlin<>Rio: Trajetos e Memórias. Um dos destaques é uma intimação da Gestapo, datada de 1930, quando seu avô e seu pai foram forçados a deixar o país por causa do nazismo e iniciaram a vida como expatriados no Rio de Janeiro. Durante um ano, Andreas revisitou todos os lugares frequentados por seu pai em uma viagem a Berlim em 1975 e produziu o ensaio que retrata a cidade pelo olhar da memória. Centro Cultural da Justiça Federal. Segunda a sexta, 12h às 19h. Grátis. A partir de quarta (26).

Museu Aeroespacial


Museu AeroespacialMuseu Aeroespacial

 (/)

Com mais de 100 aeronaves no acervo, entre elas um exemplar do 14 Bis, construído por Santos Dumont, o museu realiza visitas ao submarino (foto). Avenida Marechal Fontenelle, 2000, Campo dos Afonsos. Grátis.

A Máquina do Mundo

A coletiva reúne o trabalho de 24 artistas, dentre pinturas, esculturas, instalações e fotografias, que se propõem a dialogar com o poema homônimo de Carlos Drummond de Andrade e também o capítulo que leva o mesmo nome em Os Lusíadas, de Luís de Camões. A exposição abre um novo espaço cultural na cidade: a casa Z42 ainda serve como ateliê para oito artistas residentes, dentre eles, Maria Lucia Fontainha, Katia Wille, Rona e Sergio Mauricio Manon – este último curador da exposição. Até 23 de dezembro. Z42 Arte. Rua Filinto de Almeida, 42 – Cosme Velho – Rio de Janeiro – RJ – Tel.: (21) 3269-3216. Terça a domingo, 13h às 18h. Grátis.

Mondrian e o Movimento De Stijl

Em cartaz até janeiro, exposição oferece atividades especiais para crianças. Entre elas, um jogo que reproduz quadros do holandês e um quebra-cabeça magnético (foto) para montar obras inspiradas no trabalho do artista. Rua Primeiro de Março, 66, Centro. Grátis.

Katia Wille

Inspirada na crônica O Poeta e os Olhos da Moça, de Rubem Braga, a artista visual leva suas figuras femininas para a exposição Maria dos Olhos de Piscina. Com curadoria de Isabel Portella, a mostra apresenta dez telas e uma instalação em ladrilhos localizada na parede central do hostel. Contemporâneo Hostel. Rua Bambina, 158, Botafogo. Segunda a domingo, 7h às 23h. Grátis. Até 28 de dezembro.

Amália: Saudades do Brasil

Com a proposta de apresentar a relação da fadista portuguesa Amália Rodrigues com o país, a exposição Amália: Saudades do Brasil traz cartazes, partituras e ainda inúmeros registos inéditos de som e imagem. A mostra reúne também obras inspiradas na diva do fado dos artistas contemporâneos Vik Muniz e Francesco Vezzolli. Até 04 de dezembro. Cidade das Artes. Avenida das Américas, 5300 – Barra da Tijuca – Rio de Janeiro – RJ – Tel.: (21) 3328-5300. Terça a domingo, 10h às 18h.

Flora de Morgan-Snell

A dama da alta sociedade paulista, carioca e europeia manteve fértil produção artística que, após quarenta anos, volta ao circuito em retrospectiva com cerca de setenta obras, entre desenhos, esculturas e pinturas em que predomina o estilo figurativo. Centro Cultural dos Correios. Terça a domingo, 12h às 19h. Grátis. A partir de quinta (6).

Stefan Zweig


Stefan ZweigStefan Zweig

 (/)

A exposição faz um passeio pela trajetória do literário e suas andanças pelo mundo até chegar ao Rio de Janeiro. Centro Cultural dos Correios. Terça a domingo, 12h às 19h. Grátis. A partir de quinta (6). Até dia 3 de dezembro.

Ricardo Siqueira

Os visitantes percorrem a foto-instalação O Casulo, munidos de lanternas, entre imagens que pendem do teto inspiradas pela beleza natural das cavernas brasileiras. Centro Cultural dos Correios. Terça a domingo, 12h às 19h. Grátis. A partir de quinta (6). Até dia 4 de dezembro.

Floresta Protetora


Floresta ProtetoraFloresta Protetora

 (/)

O Centro de Visitantes Paineiras, novo acesso ao Cristo Redentor, ganha uma exposição permanente que se propõe a mostrar toda a riqueza do Parque Nacional da Tijuca. Unindo arquitetura, design e tecnologia, ela ocupa uma área de 900m² e faz um panorama da biodiversidade da Mata Atlântica. Uma linha do tempo traça a história do importante ponto turístico acompanhada por fatos históricos do país, além de depoimentos de visitantes ilustres como Charles Darwin, Olavo Bilac e Machado de Assis. Uma maquete retrata o parque e instalações interativas permitem que os visitantes simulem ecossistemas e os impactos e consequências das ações do homem. Projeções, fotografias de drones e ilustrações também fazem parte da mostra. Centro de Visitantes Paineiras. Estrada das Paineiras, s/nº, Jardim Paineiras, ☎ 2225-7074. Segunda a domingo, 8h às 19h.

Quem É o Homem do Sudário?

Depois de passar por várias cidades do Brasil ao longo de quatro anos, a exposição internacional retorna ao Rio de Janeiro. A mostra reconstitui a trajetória do Sudário de Turim, o pano que supostamente teria envolvido Jesus Cristo, por meio de réplicas de elementos datados da Antiguidade. De segunda a domingo, das 9h às 17h. Catedral Metropolitana: Avenida República do Chile, 230 – 245 – Centro.

Ciência Interativa

Em cartaz desde o dia 7 de abril, a exposição “Descubra e Divirta-se” integra a programação comemorativa de 21 anos da Casa da Ciência. Entre as atrações oferecidas, o público pode conferir experimentos de ótica, além de aprender como controlar os movimentos de uma bola sem tocá-la, congelar a própria sombra, flutuar em espelhos e sentar-se em um banco de pregos sem se machucar. Casa da Ciência da UFRJ. Rua Lauro Müller, 3, Botafogo, ☎ 3938-5444. Terça a sexta, 9h/20h; sábado, domingo e feriados, 10h/20h.  Até 18 de dezembro.

Modernidades Fotográficas, 1940-1964

Depois de estrear em Berlim, em 2013, e passar por Lisboa, Paris e Madri, a mostra chega ao Instituto Moreira Salles. São 160 trabalhos de profissionais que inauguraram a modernidade no campo da fotografia no país. As imagens, sensacionais e muito bem dispostas na galeria onde estão à mostra, vão do fotojornalismo de José Medeiros (1921-1990) ao modernismo de Marcel Gautherot (1910-1996), passando pela abstração de Thomaz Farkas (1924-2011) e a fotografia industrial de Hans Gunter Flieg. Instituto Moreira Salles. Rua Marquês de São Vicente, 476, Gávea, ☎ 3284-7400. →Terça a domingo, 11h às 20h. Até 26 de fevereiro de 2017.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s