Caixa Cultural exibe mostra sobre cinema mexicano

A partir desta terça (15), 16 filmes dividem espaço com mesas-redondas e debates sobre a produção fílmica do México. Ingressos a R$ 4,00

Pouco menos de um mês após o início da exposição sobre Frida Kahlo e outras grandes artistas mexicanas, a cultura do país volta a ser tema de uma mostra na Caixa Cultural. A partir desta terça (15), o espaço apresenta Cinema Mexicano Contemporâneo, que reúne 13 longas e três curtas-metragens. Em cartaz até o dia 27 de março, a programação exibe títulos pouco conhecidos por aqui.

+ Confira as principais exposições em cartaz na cidade

Entre as atrações da mostra, que conta com curadoria de Mateus Nagime, estão a mesa-redonda com o cineasta Julián Hernández, nesta quarta (16), às 19h. Na semana seguinte, no dia 24, o público participará de debate com dois especialistas em cinema mexicano: Maria Celina Ibazeta, pesquisadora de documentários e filmes com temática social, e Fabián Núñez, mais voltado ao cinema clássico.

+ Saiba quais as melhores atrações do Museu das Telecomunicações

Os ingressos custam R$ 4,00 (preço cheio) e R$ 2,00 (meia-entrada).

Confira a programação completa (Cinema 1):

Terça, 15/3

18h30 – Eu Sou a Felicidade deste Mundo (Yo soy la felicidad de este mundo), de Julián Hernández, 2014, 122 min, 16 anos.

Quarta, 16/3

15h – As Lágrimas (Las Lágrimas), de Pablo Delgado, 2013, 64 min, 12 anos

17h – Nuvens Flutuantes (Nubes flotantes) de Julián Hernández, 2014, 14 min, 12 anos; Te prometo Anarquia, de Julio Hernández Cordón, 2015, 88 min,16 anos

19h – Bate papo com o diretor Julián Hernández.

Te Prometo AnarquiaTe Prometo Anarquia

 (/)

Quinta, 17/3

16h30 – Post Tenebras Lux, de Carlos Reygadas, 2012, 120 min,18 anos

19h – A Vida Depois (La vida después), de David Pablos, 2013, 90 min, 12 anos

Sexta, 18/3

17h – Carmim Tropical (Carmín Tropical), de Rigoberto Pérezcano, 2014, 80 min, 12 anos

19h – As Lágrimas (Las Lágrimas), de Pablo Delgado, 2013, 64 min, 12 anos

Sábado, 19/3

14h45 – H20mx, de José Cohen, 2014, 82 min, 10 anos

16h30 – Eu Sou a Felicidade deste Mundo (Yo soy la felicidad de este mundo), de Julián Hernández, 2014, 122 min, 16 anos

19h – Post Tenebras Lux, de Carlos Reygadas, 2012, 120 min, 18 anos

+ Em mostra, IMS exibe filmes realizados por mulheres

Domingo, 20/3

15h – A Vida Depois (La vida después), de David Pablos, 2013, 90 min, 12 anos

17h – Nuvens Flutuantes (Nubes flotantes), de Julián Hernández,14 min, 12 anos; Te prometo Anarquia, de Julio Hernández Cordón, 2015, 88, 16 anos

19h – Carmim Tropical (Carmín Tropical), de Rigoberto Pérezcano, 2014, 80 min, 12 anos

Terça, 22/3

17h – H20mx, de José Cohen, 2014, 82 min, 10 anos

19h – Manhã Psicotrópica (Mañana Psicotrópica), de Alexandro Aldrete, 2015, 90 min, 16 anos

Quarta, 23/3

17h – Ramona, de Giovanna Zacarías, 2014, 10 min, 10 anos; Nunca Morrer (Mai morire), de Enrique Rivero, 2012, 84 min, 14 anos

19h – Verão de Golias (Verano de Goliat), de Nicolás Pereda, 2010, 76 min, 14 anos

Quinta, 24/3

17h – O Modelo de Pickman (El modelo de Pickman), de Pablo Ángeles Zuman, 2014, 10 min, 10 anos; Navalhada (Navajazo), de Ricardo Silva, 2014, 75 min, 18 anos

19h – Debate com a participação de Fabián Núñez e Maria Celina Ibazeta e mediação de Mateus Nagime.

Las Razones Del CorazónLas Razones Del Corazón

 (/)

Sexta, 25/3

16h30 – As Razões do Coração (Las razones del corazón), de Arturo Ripstein, 2011, 119 min, 14 anos

19h – A Zebra (La Cebra), de Fernando León, 2011, 100 min, 12 anos

+ Festival exibe filmes a céu aberto no Flamengo

Sábado, 26/3

15h – Verão de Golias (Verano de Goliat), de Nicolás Pereda, 2010, 76 min, 14 anos

17h – Manhã Psicotrópica (Mañana Psicotrópica), de Alexandro Aldrete, 2015, 90 min, 16 anos

19h – Ramona, de Giovanna Zacarías, 2014, 10 min, 10 anos; Nunca Morrer (Mai morire), de Enrique Rivero, 2012, 84 min, 14 anos

Domingo, 27/3

14h45 – As Razões do Coração (Las razones del corazón), de Arturo Ripstein, 2011, 119 min, 14 anos

17h – A Zebra (La Cebra), de Fernando León, 2011, 100 min, 12 anos

19h – O Modelo de Pickman (El modelo de Pickman), de Pablo Ángeles Zuman, 2014, 10 min, 10 anos; Navalhada (Navajazo), de Ricardo Silva, 2014, 75 min, 18 anos

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s