Continua após publicidade

Exposição em homenagem a Ziraldo no CCBB é prorrogada até 27 de maio

Agora, a mostra também exibe ao público uma coleção inédita de trinta objetos pessoais do escritor e cartunista, com um colete, pincéis e bonecos

Por Marcela Capobianco
Atualizado em 24 Maio 2024, 17h43 - Publicado em 15 Maio 2024, 16h25

*Atualização: a exposição foi novamente prorrogada, dessa vez, até o dia 3 de junho

Boa notícia! A mostra Mundo Zira – Ziraldo Interativo, em cartaz no CCBB, em homenagem ao cartunista e escritor falecido em 6 de abril, será prorrogada até o dia 27 de maio.

E tem novidade! Agora, a exposição também exibe ao público uma coleção inédita de trinta objetos pessoais do escritor. O local escolhido para receber o acervo foi a biblioteca do centro cultural, localizada no sexto andar.

Os itens foram selecionados pelas curadoras da exposição, Daniela Thomas e Adriana Lins, filha e sobrinha do cartunista, respectivamente, e diretoras do Instituto Ziraldo. Entre as peças estão um dos coletes (uma marca registrada do artista) usados por ele, além de materiais de trabalho, a exemplo de pincéis, tintas, canetas tinteiro e lápis de cor.

+ Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Troféus, encadernações de publicações da Revista Pererê; bonecos de seus personagens; edições do livro O Menino Maluquinho em outros idiomas e livros do acervo do CCBB também foram selecionados.

Continua após a publicidade

“É a primeira vez que abrimos esse acervo para o público. E também vamos trazer cenas de pessoas interagindo com a exposição e depoimentos de anônimos e famosos falando sobre a exposição, que para a gente é um lugar de muito afeto”, explica Adriana.

+ Área gamer e realidade virtual: conheça o novo Animasom XD, no RioSul

Mais de 120000 pessoas já estiveram na exposição, embarcando em uma jornada interativa pelas principais obras do artista, como Flicts, O Menino Maluquinho e A Turma do Pererê.

Neste fim de semana, quem for conferir a exposição também pode assistir ao documentário Ziraldo – Era Uma Vez Um Menino, original Canal Curta! e dirigido por Fabrizia Pinto, filha do cartunista.

+ CCBB realiza o festival Pequeno Cineasta

Continua após a publicidade

Por meio de depoimentos e entrevistas concedidos por ele ao longo de mais de quarenta anos, o filme entrelaça a vida e a obra do mineiro, que reflete sobre seu processo de criação, seus personagens, a própria família, a política e o Brasil.

Compartilhe essa matéria via:

As sessões são gratuitas (ingressos distribuídos na bilheteria física ou virtual do CCBB 1 hora antes da exibição), no sábado (18) e no domingo (19), às 15h e às 17h, no Cinema 2 do CCBB.

Serviço – Mundo Zira:

CCBB. Rua Primeiro de Março, 66, Centro. Qua. a seg., 9h/20h. Grátis. Ingressos na bilheteria ou pelo site do centro cultural

Continua após a publicidade
Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe mensalmente Veja Rio* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de Rio de Janeiro

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.