Ingredientes crus se destacam nos menus

Leves e refrescantes, os preparos sem fogo são a cara do verão

Anna

O italiano no Jardim de Alah serve duas versões do clássico carpaccio. O pedido de vitela é coberto de palmito desfiado, rúcula e parmesão (R$ 28,50). Ladeada por salada verde e pimenta-rosa, a receita de salmão é marinada em vinagre balsâmico
(R$ 29,50).

Charbon Rouge

Casa de ambiente agradável, pratos saborosos, adega fornida e preços camaradas, oferece, de entrada, carpaccio de abobrinha com palmito pupunha, cogumelo, queijo de cabra, tomate confit e vinagrete de limão-siciliano (R$ 22,00).

Da Brambini

De frente para a praia, o italiano tradicional dispõe de receitas à base de pescados frescos. Uma dica leve e refrescante é a versão de carpaccio feita de cherne temperado com azeite, limão, salsinha, manjericão e pimenta dedo-de-moça (R$ 52,00).

Carne crua com tangerina fresca e katsuobushi

Carne crua com tangerina fresca e katsuobushi (Alexander Landau/Divulgação)

Irajá

Uma criação recente do chef Pedro de Artagão leva à mesa tangerina fresca recheada de carne crua misturada à fruta e a katsuobushi, condimento japonês à base de peixe seco (R$ 48,00). Outra dica nova reúne salmão cru, melão e enguia defumada (R$ 48,00).

Tartar nassu: tempurá de berinjela cobertas de tartare de salmão e massagô

Tartar nassu: tempurá de berinjela cobertas de tartare de salmão e massagô (Filico/Divulgação)

Origami

Uma sugestão menos óbvia deste japonês, que tem unidades na Gávea e no Leblon, atende pelo nome de tartar nassu (R$ 24,00). O pedido traz quatro fatias de tempurá de berinjela cobertas de tartare de salmão e massagô.

Fatias de peixe curado, abobrinha marinada, creme de burrata com wassabi e vinagrete de maçã verde com pepino

Fatias de peixe curado, abobrinha marinada, creme de burrata com wassabi e vinagrete de maçã verde com pepino (Rodrigo Azevedo/Divulgação)

Pici Trattoria

No menu do chef Elia Schramm, uma boa pedida para abrir os trabalhos consiste em fatias de peixe curado reunidas a rodelas de abobrinha marinada, creme de burrata com wassabi e vinagrete de inspiração mediterrânea, de maçã verde com pepino (R$ 32,00).

Pipo

O chef Felipe Bronze incluiu no cardápio um capítulo dedicado aos crus (ou muito pouco cozidos). Ali consta sua versão para
o ceviche, prato-símbolo do Peru. Nela, o peixe do dia é servido com chips de batata-doce, picles de cebola-roxa e quiabo (R$ 42,00).

Fatias de peixe do dia cobertas por cebola-roxa, brotinhos e crocante de arroz selvagem

Fatias de peixe do dia cobertas por cebola-roxa, brotinhos e crocante de arroz selvagem (Togu/Divulgação)

Togu

Entre as receitas de verão da chef Ana Zambelli, pode-se optar, para um almoço leve, por uma espécie de sashimi incrementado, guarnecido de arroz japonês. As fatias de peixe do dia chegam cobertas por cebola-roxa, brotinhos e crocante de arroz selvagem. O pedido sai a R$ 48,00.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s