Imagem Blog

Gilberto Ururahy

Por Gilberto Ururahy, médico Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
Especialista em medicina preventiva
Continua após publicidade

Dia Nacional de Combate ao Fumo: os benefícios de se largar o cigarro

Independente da idade ou do quanto se fume, sempre haverá vantagens em se abandonar o tabagismo

Por Gilberto Ururahy
13 set 2023, 11h27

No último dia 29 de agosto celebrou-se o Dia Nacional de Combate ao Fumo. Segundo a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), o tabagismo é uma das maiores ameaças mundiais à saúde pública, sendo responsável pela morte de mais de oito milhões de pessoas ao ano (1,2 milhão por fumo passivo).

A Organização Mundial da Saúde (OMS) classifica o tabagismo como um mal crônico causado pela dependência da nicotina e associado a pelo menos 50 doenças, incluindo diferentes tipos de câncer, hipertensão arterial, acidente vascular cerebral, problemas respiratórios (como a doença pulmonar obstrutiva crônica, DPOC), disfunção erétil, entre outras.

Para ter uma ideia do risco de adoecer ao fumar, um cigarro comum contem diferentes substâncias tóxicas, como solventes, ácidos, metais pesados e materiais radiativos, em maior quantidade amônia, naftalina, arsênico, butano e acetato. E, de acordo, com o Ministério da Saúde, os cigarros eletrônicos – encontrados facilmente no comércio, apesar de proibidos pela Anvisa no Brasil – também contêm produtos cancerígenos e, ademais, causam sérios danos ao pulmão e ao coração.

No entanto, a boa notícia é que nunca é tarde para deixar o vício da nicotina. Os benefícios à saúde podem ser imediatos. Em apenas 20 minutos, por exemplo, o ritmo cardíaco e a pressão arterial baixam. Em 12 horas o nível de monóxido de carbono no sangue volta ao normal. De duas a 12 semanas a circulação sanguínea e a função pulmonar aumentam. Entre um e nove meses a tosse e a falta de ar diminuem. No período após um ano, o risco de ter doença coronariana reduz à metade (em relação a um fumante). A partir de cinco anos livre do tabagismo, o risco de sofrer um acidente vascular cerebral é igual ao de um não fumante. Em dez anos o risco de câncer de pulmão cai para cerca da metade em relação a um fumante e o de canceres de boca, garganta, esôfago, bexiga, colo do útero e pâncreas também diminui. Alcançados 15 anos longe do cigarro, o risco de sofrer doença cardíaca coronária é o mesmo de um não fumante.

Continua após a publicidade

Mesmo quem tem doença por tabagismo se beneficia, se largar o vício. Se o fizer por volta dos 30 anos de idade, ganha-se quase uma década em expectativa de vida. Se abandonar o cigarro aos 40, são nove anos a mais em expectativa de vida. Aos 50, ganha-se seis anos em expectativa de vida. E dez anos depois, aos 60, ganha-se três anos em expectativa de vida. Até mesmo os que já sofreram ataque cardíaco se beneficiam ao largar o cigarro: quem para de fumar, reduz em 50% as chances de ter outro infarto. Além disso, o tabagismo está relacionado a 20 tipos ou subtipos de cânceres e é um dos principais fatores de para graves doenças crônicas cardiovasculares e pulmonares.

No check-up médico anual é possível detectar se o cliente tem alguma doença relacionada ao tabagismo. A Med-Rio Check-up criou um conceito inovador para o check-up médico, com abordagem física e emocional do cliente, realização de exames em 12 especialidade em um único local, em apenas cinco horas (de manhã ou à tarde, inclusive aos sábados). Disponibiliza períodos exclusivos para homens e mulheres, laudo em 24 horas úteis e os dados são criptografados e confidenciais, respeitando a LGPD.

Med-Rio Check-up oferece ainda a consulta pós-check-up, momento em que um médico da clínica esclarece com o cliente os resultados dos seus exames, sugere e apresenta ações para corrigir fatores de riscos para a saúde, como, por exemplo, hábitos prejudiciais à busca da longevidade com autonomia.

Continua após a publicidade

A clínica conta com um time multidisciplinar de especialistas altamente qualificados e suas equipes reúnem médicos certificados pelo Colégio Americano da Medicina do Estilo de Vida.  Todos os equipamentos médicos, nas duas unidades da clínica, são de última geração, utilizam a tecnologia 5G. Em mais de três décadas dedicadas à prevenção e à promoção da saúde, a Med-Rio realizou check-ups médicos em mais de 250 mil clientes, de 40 nacionalidades.

Saúde é prevenção!

Gilberto Ururahy é médico há mais de 40 anos, com longa atuação em Medicina Preventiva. Em 1990, desenvolveu a Med Rio Check-up, líder brasileira em check-up médico. É detentor da Medalha da Academia Nacional de Medicina da França, Conselheiro estratégico da ABRH-Brasil e autor de quatro livros: Como se tornar um bom estressado (editora Salamandra), O cérebro emocional (editora Rocco), Emoções e saúde (editora Rocco) e Saúde é Prevenção (editora Rocco), com o médico Galileu Assis, diretor da Med Rio Check-up.

Continua após a publicidade

 

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe mensalmente Veja Rio* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de Rio de Janeiro

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.