Imagem Blog

Gilberto Ururahy Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO

Por Gilberto Ururahy, médico
Especialista em medicina preventiva
Continua após publicidade

Bem-estar e os cuidados com o cliente – Um olhar para o check-up

Rossano Fiorelli destacou a importância da medicina se voltar mais à prevenção do que para o tratamento

Por Gilberto Ururahy
16 Maio 2024, 20h05

No último dia 13 de maio, aconteceu a quarta edição do ano do “Encontro com a prevenção”, que realizamos mensalmente na MedRio Check-up, com transmissão pelas redes sociais e Youtube. Nosso convidado desta vez foi o doutor Rossano Fiorelli, Membro Titular da Academia Nacional de Medicina, Professor titular do Departamento de Cirurgia Geral e Especializada da UNIRIO, Coordenador do Programa de Pós-graduação em Cirurgia da UNIRIO e Chefe do Serviço de Cirurgia Torácica do Hospital São Vicente de Paulo. Ele abordou diferentes questões que envolvem o “Bem-estar e os cuidados com o cliente – Um olhar para o check-up”.

Fiorelli destacou que a Medicina e o cuidado à saúde no Brasil sempre tiveram foco na doença, e não na prevenção, o que seria, de certa forma, equivocado. Desde a virada do século, esta dinâmica se tornou muito evidente em razão da quantidade de eventos adversos – como infecções, internação prolongada, sequelas transitórias ou permanentes ou até mesmo o óbito – que acontecem aos pacientes em âmbito hospitalar. “A segurança do paciente, portanto, se tornou um tema fundamental”, explicou.

Segundo ele, uma pesquisa da Universidade da California, realizado há 50 anos a partir de prontuários, identificou uma taxa de eventos adversos de 4,6%. Outro estudo, de 1991, que analisou 30 mil prontuários, mostrou uma taxa de 3,7% de eventos adversos, ocasionando 13,6% de óbitos e acendendo uma luz amarela para o sistema de saúde americano. O mesmo índice se reproduziu em outros países da Europa. Em 1999, uma nova pesquisa americana mostrou que eventos adversos eram mais responsáveis por óbitos do que acidentes de automóveis ou câncer de mama, além gerarem gastos da ordem de 30 bilhões de dólares, cifras que poderiam estar sendo empregadas na medicina preventiva. A conclusão era que deveria se redesenhar o funcionamento do sistema, priorizando a segurança do paciente.

Quando os cuidados se voltam para clínicas de check-up médico, esses devem privilegiar as instalações longe de ambientes contaminados e multidões. E os equipamentos devem ser de última geração com manutenção permanente, para oferecer maior segurança nos resultados, comentou o Dr. Rossano. 

As equipes médicas devem ser do mais alto padrão técnico sempre buscando acolher, ouvir e acompanhar cada cliente, gerando segurança e credibilidade ao serviço, além de pontuar a excelência de qualidade. 

Continua após a publicidade

Hoje observamos o crescimento da Inteligência Artificial na área da saúde, telemedicina, aplicativos, diagnósticos cada vez mais precisos, prontuário médico digital, o que permite antecipar, prevenir e promover saúde – afirma o Dr. Fiorelli.

O tratamento, portanto, deve ser uma opção secundária, priorizando-se a prevenção. “O mais importante é evitar que o paciente fique doente”, destacou Fiorelli. Nesse sentido, o estilo de vida saudável mais a prevenção é o melhor aliado na busca da longevidade com autonomia. Além do check-up, é fundamental priorizar alimentação saudável, prática de exercícios físicos, noite de sono reparador, consumo moderado de bebidas alcoólicas e distância do tabagismo. 

Saúde é prevenção!

Gilberto Ururahy é médico há mais de 40 anos, com longa atuação em Medicina Preventiva. Em 1990, criou a Med Rio Check-up, líder brasileira em check-up médico. É detentor da Medalha da Academia Nacional de Medicina da França e autor de quatro livros: Como se tornar um bom estressado (editora Salamandra), O cérebro emocional (editora Rocco), Emoções e saúde (editora Rocco) e Saúde é Prevenção (editora Rocco), com o médico Galileu Assis, diretor da Med Rio Check-Up.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe mensalmente Veja Rio* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de Rio de Janeiro

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.