Viaduto de Madureira ganhará polo de empreendedorismo digital

Central Única das Favelas (Cufa) instalará no local um polo de capacitação de desenvolvedores de sites, aplicativos e startups

Point do subúrbio, o Viaduto Negrão de Lima, conhecido como Viaduto de Madureira, abriga festas de tribos variadas (foto) — a mais popular delas é o tradicional baile charm, consagrado em 2013 como patrimônio imaterial da cidade. Não por acaso, o lugar vai se tornar um polo de capacitação de desenvolvedores de sites, aplicativos e startups. A Central Única das Favelas (Cufa) instalará por ali, em parceria com a Fundação Banco do Brasil, o projeto Viaduto TEC, que levará 300 jovens a participar de oficinas de empreendedorismo digital e coaching aliado a novas tecnologias, entre outros temas.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s